Projeto

Rio Grande vai atualizar Plano de Mobilidade Urbana

Parceria entre prefeitura e Furg vai durar 10 meses e pretende solucionar os conflitos do tráfego na cidade

24 de Junho de 2022 - 20h13 Corrigir A + A -
Projeto prevê parceria de 10 meses (Foto: Richard Furtado - PMRG)

Projeto prevê parceria de 10 meses (Foto: Richard Furtado - PMRG)

Com o objetivo principal de solucionar os conflitos de tráfego em Rio Grande, a Prefeitura e a Furg firmaram um Termo de Convênio para atualização do Plano de Mobilidade Urbana do Município. O documento foi assinado nesta sexta-feira (24) em ato na Prefeitura e prevê ações em parceria pelos próximos 10 meses.

“Temos firmado muitas parcerias com a universidade, nosso principal parceiro, que sempre tem pronta disponibilidade. Com esse apoio técnico da Furg, temos trabalhado em diversas frentes e feito várias entregas. A vontade é sempre de aumentar a parceria e dividir o protagonismo, pois temos avançado muito”, diz o prefeito Fábio Branco (MDB).

Na prática, as equipes da Escola de Engenharia e do Centro de Ciências Computacionais (C3) da Furg, irão auxiliar na atualização dos projetos cicloviário, de acessibilidade e do transporte coletivo. Além disso também irá apoiar na elaboração da proposta para o trânsito, apontado pelo secretário de Mobilidade, Acessibilidade e Segurança, Anderson Castro como o grande desafio a ser vencido.

O secretário, diz ainda, que os pontos centrais do trabalho são os gargalos do trânsito e que essa é uma pauta que precisa ser melhor trabalhada para abordar os problemas que a cidade enfrenta e vai enfrentar no futuro.

Sobre o convênio o reitor Danilo Giroldo destaca ser um importante papel da universidade a colaboração, com conhecimento técnico, para alcançar soluções que contribuam com a sociedade. “A Furg já colabora a bastante tempo em várias frentes e o Plano de Mobilidade é mais uma iniciativa nesse sentido. Nosso grupo de professores, técnicos e estudantes é muito qualificado e vai contribuir muito com essa pauta fundamental. É uma parceria muito boa, que vai repercutir na vida de toda comunidade de Rio Grande”, avalia.

Rotina de trabalho
Conforme explica a professora do Núcleo de Transporte e Logística da Engenharia Civil, Ana Maria Azambuja, serão realizadas reuniões periódicas com os representantes das duas entidades para apresentação das demandas e resultados produzidos. O trabalho realizado junto com os estudantes terá uma rotina de apresentação de dados para subsidiar as decisões dos técnicos da Prefeitura. O principal foco é atacar a engenharia de tráfego e os pontos de conflito na cidade.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados