Zona Sul

Reunião define municipalização de trecho urbano da rodovia estadual ERS - 737

Representantes do Município de Arroio do Padre participam de reunião na Secretaria de Logística e Transportes em Porto Alegre

08 de Novembro de 2019 - 19h00 Corrigir A + A -

Por: Redação
web@diariopopular.com.br

A solicitação foi pedida pelo Poder Executivo de Arroio do Padre através do PROJETO DE LEI Nº 42, de 22 de Julho de 2019 (Foto: Divulgação - DP)

A solicitação foi pedida pelo Poder Executivo de Arroio do Padre através do PROJETO DE LEI Nº 42, de 22 de Julho de 2019 (Foto: Divulgação - DP)

Foi realizada no dia 06 de novembro, na Secretaria de Logística e Transportes em Porto Alegre, uma reunião para definir os custos que a Administração de Arroio do Padre terá que desembolsar caso efetue um convênio para gerenciar a rodovia ERS-737. A via passou pelo processo de municipalização e compreende o início do perímetro urbano no Bairro Benjamim Constant até a rótula central do município de aproximadamente 5,2 km.

Estiveram presentes na reunião os vereadores do Município de Arroio do Padre, Maria de Fátima Maximila Rocha, Roni Rutz Buchveitz e Rui Carlos Peter, juntamente com o Secretário Municipal de Obras, Infraestrutura e Saneamento de Arroio do Padre, Charles Bonow. Representantes do governo estadual, como o Secretário de Logística e Transportes do Rio Grande do Sul, Juvir Costella, o Deputado Estadual Luiz Henrique Viana e o Assessor do Deputado Estadual Pedro Pereira também compareceram no ato.

A solicitação foi pedida pelo Poder Executivo de Arroio do Padre através do PROJETO DE LEI Nº 42, de 22 de Julho de 2019, que autoriza a cidade a municipalizar trecho urbano da rodovia estadual ERS - 737. Na oportunidade o Secretário de Logística e Transportes do Rio Grande do Sul, Juvir Costella informou que irá aguardar convênio com o município de Arroio do Padre para poder colaborar com insumos e realizar a melhoria definitiva neste referido trecho.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados