Propriedade

Prefeitura de Cerrito busca titulação de terras para moradores em assentamento

A ação para expedir o título das frações de terras começam com a visitação e vistoria pela equipe técnica do Incra, a qual deverá ser realizada nos próximos meses

26 de Fevereiro de 2020 - 16h07 Corrigir A + A -
Para Alexandre da Rosa, o agricultor poder cultivar a terra que é de sua propriedade lhe dará mais garantias e direitos, favorecendo a permanência sua e de seus descendentes na área rural.

 (Foto: Divulgação - DP)

Para Alexandre da Rosa, o agricultor poder cultivar a terra que é de sua propriedade lhe dará mais garantias e direitos, favorecendo a permanência sua e de seus descendentes na área rural. (Foto: Divulgação - DP)

O vice-prefeito e secretário de Desenvolvimento Rural (SDR) de Cerrito, Alexandre da Rosa, esteve em reunião no Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), em Porto Alegre. A pauta do encontro, realizado com a Superintendente do órgão, Raquel May Chula, foi a concessão de títulos de posse para lotes no assentamento do marmeleiro.

De acordo com Raquel, a ação para expedir o título das frações de terras começam com a visitação e vistoria pela equipe técnica do Incra, a qual deverá ser realizada nos próximos meses. Para Alexandre da Rosa, o agricultor poder cultivar a terra que é de sua propriedade lhe dará mais garantias e direitos, favorecendo a permanência sua e de seus descendentes na área rural.

“Esta é uma medida aguardada há muito tempo por trabalhadores rurais do município”, ressalta Alexandre. O título definitivo de posse da terra, permite ao beneficiário o acesso a programas de apoio à agricultura familiar, entre outros benefícios.

 


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados