Zona Sul

Furg se prepara para transição à fase 2 da retomada presencial gradual

Reunião aconteceu na semana passada para ajustar compreensão das novas permissões a partir de 16 de novembro

16 de Novembro de 2021 - 16h46 Corrigir A + A -

Por: Redação
web@diariopopular.com.br

Em linhas gerais, a portaria nº 2.300 foi construída nos mesmos moldes da portaria anterior responsável por regulamentar o início da 1ª fase da retomada gradual (Foto: Divulgação - DP)

Em linhas gerais, a portaria nº 2.300 foi construída nos mesmos moldes da portaria anterior responsável por regulamentar o início da 1ª fase da retomada gradual (Foto: Divulgação - DP)

Com base na última versão do plano de contingência institucional, responsável por viabilizar dispositivos e mecanismos para o retorno gradual às atividades presenciais na Universidade Federal do Rio Grande (Furg), agora, a universidade se prepara para avançar no modelo, passando para a segunda fase do programa de retomada presencial progressiva. Na semana passada, o reitor em exercício, Renato Duro, esteve na presença dos pró-reitores, diretores de unidades acadêmicas e de campi da instituição para apresentar a portaria que oficializa a transição para a fase 2 do plano de retomada gradual, com início estipulado para essa terça-feira (16).

Durante a reunião, realizada em caráter virtual, foram debatidas uma série de questões e pormenores considerando, essencialmente, a experiência inicial vivida pelos servidores da universidade na primeira etapa do processo de retomada gradual. A nova portaria, responsável por oficializar o início da 2ª fase - bem como os detalhes referentes às novas permissões e cronogramas -, pode ser acessada, na íntegra, ao fim desta matéria.

Sobre a nova fase

De acordo com Renato, em linhas gerais, a portaria nº 2.300 foi construída nos mesmos moldes da portaria anterior responsável por regulamentar o início da 1ª fase da retomada gradual. O dispositivo traz mudanças nas ações previstas, da mesma forma que aumenta o leque de atividades acadêmicas ofertadas. Na última reunião do Comitê de Monitoramento da Covid-19 da FURG – realizada na última quarta-feira, 10 -, o texto inicial da proposta foi debatido e aprovado de forma unânime, considerando tecnicamente seguro o avanço na proposta mantendo o cronograma inicial previsto.

“Em função do avanço do processo de imunização, não se tem gerado um grande número de internações ou casos graves. Com base nessa análise e nos demais indicadores qualitativos, o comitê entendeu que é possível avançar para a próxima fase de forma segura”, explicou o reitor em exercício.

Detalhes para a graduação

Em linhas gerais, a 2ª fase contempla a alteração de oferta de algumas atividades e o aumento na oferta de possibilidades, tanto administrativas quanto acadêmicas. No que tange os cursos de graduação, prevê-se a manutenção das atividades teóricas por meio do ensino remoto até que se conclua o calendário emergencial 2021-2022, no entanto, são compreendidas algumas excepcionalidades, à critério da unidade acadêmica, como a oferta de atividades acadêmicas práticas presenciais, decorrentes de disciplinas práticas e teórico-práticas consideradas essenciais às séries finais e intermediárias dos cursos de graduação, e que não são passíveis de oferta remota; estágios curriculares; e atividades acadêmicas excepcionais como saídas de campo e visitas técnicas.

Para tal, é necessário que as atividades supracitadas atendam aos protocolos de saúde estabelecidos pela universidade, bem como, sejam cumpridas as determinações previstas no plano de contingência da FURG.

Os processos seletivos específicos presenciais poderão acontecer, desde que cumpram as já citadas orientações. Processos de qualificação e defesa de trabalho de conclusão de curso de graduação continuam sendo realizadas em modelo remoto.

Para mais informações e detalhes a respeito das demais situações específicas, consulte a portaria anexa.

Detalhes para a Pós-graduação

A partir da próxima terça-feira, para os programas de pós-graduação da FURG, permanecem suspensas as aulas, eventos e atividades acadêmicas extracurriculares em modelo presencial. Ficam mantidos, também, os processos de qualificação e defesa dos trabalhos de conclusão dos programas de pós-graduação em modelo remoto; do mesmo modo, permanecem prioritariamente em modelo virtual os processos seletivos para a pós-graduação. Para as atividades de residências, permanecem mantidas as recomendações dos locais de atividades práticas.

A portaria regulariza, ainda, a manutenção de pesquisa de campo ou laboratório vinculadas às atividades da pós-graduação que se encontram em etapas finais. As atividades de Pesquisa em Laboratórios - incluindo os Centros Multiusuários - poderão ser desenvolvidas, desde que atendam os já citados requisitos de segurança.

Excepcionalmente, a critério do PPG e da unidade acadêmica vinculada, faculta-se a possibilidade de início de atividades no formato presencial a partir de 7 de março de 2022, denominada Fase 2A, antecipando-se ao previsto no calendário emergencial 2021-2022, desde que sejam cumpridos os devidos protocolos.

Detalhes para atividades de extensão

A critério das coordenações de projeto e programas, com o início da fase 2, as atividades de extensão poderão ser, excepcionalmente, realizadas de modo presencial conforme o disposto no plano de contingência da FURG. Para reuniões e cursos voltadas à extensão, estes mantêm-se em formato remoto. Eventos poderão ser realizados em caráter presencial desde que cumpram os devidos requisitos de segurança, e, também, sejam aprovadas pelo Comitê de Monitoramento institucional. Seguindo ainda os mesmos requisitos e protocolos de segurança, fica autorizada a abertura do Complexo de Museus em modo presencial.

Detalhes para atividades administrativas

Continuando o modelo estabelecido durante a fase 1, as atividades administrativas serão realizadas presencialmente, seguindo um regime de escala, para a melhor distribuição física da força de trabalho, no entanto, passando de três dias para cinco. Agora, a presencialidade na FURG se estende de segunda a sexta-feira, em turno único compreendido entre 9h e 13h. Nos demais turnos da semana as atividades permanecem de forma remota.

Outra novidade presente na fase 2 é a possibilidade de realizar cerimônias de formatura em caráter presencial. Para isso, é necessário que o evento cumpra os requisitos de segurança anteriormente citados, e, em adição, também aos predispostos no Protocolo para Outorga de Grau Presencial.

Os serviços de vigilância terão regimes próprios de funcionamento.

Pontos de acesso e horários

De acordo com a portaria, durante a vigência da segunda etapa de retorno progressivo, os pontos de acesso e os horários de circulação aos campi da FURG ficarão temporariamente reduzidos conforme a seguinte organização:

Campus Carreiros - Rio Grande:

Acesso de veículos pela Rua Padre Nilo Gollo - aberto das 7h às 20h;

Acesso pela Rua Roberto Socoowski - aberto das 7h às 20h;

Acesso de pedestres pelo Bairro Castelo Branco (Caic) - aberto das 7h às 18h;

Acesso de veículos pelo Bairro Castelo Branco (Caic) - aberto das 7h45 às 12h15 e das 13h15 às 17h45; e

Acesso de pedestres pela Vila Maria (Horto) - aberto das 7h às 18h.

Campus Santa Vitória do Palmar, São Lourenço do Sul e Santo Antônio da Patrulha:

Acesso de veículos - aberto das 7h às 19h.

Unidade da Saúde:

Acesso aberto das 7h às 19h.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados