Para barrar a Covid-19

Final de semana será de novo lockdown em Pedro Osório

Medida restritiva começa a valer às 22h de sexta e vai até segunda às 6h; agentes da Vigilância em Saúde irão intensificar fiscalização com apoio da Brigada Militar

30 de Julho de 2020 - 22h36 Corrigir A + A -

Por: Michele Ferreira
michele@diariopopular.com.br 

Nenhuma autuação precisou ser aplicada; ruas se mantiveram vazias (Foto: Juninho Ebersol)

Nenhuma autuação precisou ser aplicada; ruas se mantiveram vazias (Foto: Juninho Ebersol)

A partir das 22h desta sexta-feira (31), os moradores de Pedro Osório devem permanecer em casa. Se saírem, devem justificar o deslocamento, em caso de abordagem. A prefeitura já anunciou o novo lockdown. A medida, para reforçar o enfrentamento ao novo coronavírus, se estende até as 6h de segunda-feira.

Como no último final de semana, só podem permanecer em atividade, além do hospital, farmácias, postos de combustíveis - apenas para abastecimento de veículos - e funerárias. Estabelecimentos de venda de gêneros alimentícios devem fechar as portas no sábado, às 13h. Até a rodoviária deverá ficar fechada.

A pandemia tem preocupado a comunidade, de cerca de oito mil habitantes. O primeiro caso de Covid-19 foi notificado no dia 20 deste mês, logo, através de uma morte. De lá para cá, o município já atingiu 18 diagnósticos confirmados e três óbitos.

A fiscalização será desencadeada em parceria entre agentes da Vigilância em Saúde e Brigada Militar (BM). No primeiro lockdown nenhuma autuação chegou a ser feita. As ruas se mantiveram vazias em Pedro Osório.


Comentários


REDES SOCIAIS

Diário Popular - Todos os direitos reservados