Sinal

Escolas de Cerrito recebem melhorias na rede de internet

Inicialmente, as escolas São Miguel, no bairro Arco Íris, e Doutor Jacques da Rosa Machado, no bairro Oásis, irão disponibilizar um roteador de longo alcance

29 de Maio de 2020 - 17h30 Corrigir A + A -
A empresa Willy Net se solidarizou e se comprometeu em ampliar a capacidade de upload e download de conteúdos em sua banda de internet, sem custo adicional ao município. (Foto: Divulgação - DP)

A empresa Willy Net se solidarizou e se comprometeu em ampliar a capacidade de upload e download de conteúdos em sua banda de internet, sem custo adicional ao município. (Foto: Divulgação - DP)

A Secretaria Municipal de Educação (SME) de Cerrito e a empresa prestadora de serviço Willy Net trataram esta semana sobre melhorias na rede de internet . Além da secretária da SME, Loiva La Rosa, participaram do encontro os diretores das escolas municipais e o representante da provedora de internet Diego Hinz.

A empresa Willy Net se solidarizou com o fato de nem todos os alunos contarem com internet em suas residências e comprometeu-se em ampliar a capacidade de upload e download de conteúdos em sua banda de internet, sem custo adicional ao município. Inicialmente, as escolas São Miguel, no bairro Arco Íris, e Dr. Jacques da Rosa Machado, no bairro Oásis, irão disponibilizar um roteador de longo alcance, com abrangência de 700 metros no entorno das escolas para melhor atender os alunos nas aulas online.

Na área rural do município, as escolas Ulisses Guastucci, Reinaldo Karnopp e Dr. Jaime Faria, receberão um ponto cada, com um a velocidade ampliada, somente para atender os alunos nos laboratórios de Informática para as aulas ministradas pelos professores durante a pandemia.

A secretária da SME Loiva La Rosa, diz que o município está empenhado em melhorar o ensino a distancia e oferecer técnicas favoráveis para que o conteúdo escolar chegue com mais facilidade a todos os alunos. “Agradecemos a Willy Net que se empenhou nesta causa conosco. Esperamos que a pandemia do coronavírus passe logo e possamos voltar com as aulas presenciais, mas enquanto isso vamos dando nosso máximo para facilitar a todos os alunos o acesso ao conteúdo escolar”, finalizou Loiva.

 


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados