Zona Sul

Bagé terá Centro de Atenção ao Turismo em formato de contêiner

A fase atual é a de orçamento do valor e, até o final do ano, o projeto será enviado para o setor responsável para que, no começo de 2020, a estrutura comece a funcionar plenamente

28 de Novembro de 2019 - 23h37 Corrigir A + A -

Por: Redação
web@diariopopular.com.br

Estrutura irá funcionar na Praça Santos Dumont, próximo a Rodoviária (Foto: Divulgação - DP)

Estrutura irá funcionar na Praça Santos Dumont, próximo a Rodoviária (Foto: Divulgação - DP)

A partir do ano que vem, Bagé terá um contêiner que servirá como um Serviço de Atenção ao Turismo (CAT), informa a secretária de Cultura e Turismo em exercício, Joelma Silveira. O município foi contemplado através da Consultar Popular, mobilizada pelo Conselho Regional de Desenvolvimento (Corede Campanha).

O total investido será de R$ 114 mil e a estrutura deve funcionar na praça Santos Dumont, próximo  à Rodoviária. O local vai contar com área de recepção, setor de atendimento e copa. Está prevista também acessibilidade para ingressar no espaço, assim como sanitários adaptados para deficientes.

O valor também será investido na sinalização da cidade, principalmente para locais turísticos, incluindo vinícolas, olivicultores e outros espaços de relevante interesse cultural.

A fase atual é a de orçamento do valor e, até o final do ano, o projeto será enviado para o setor responsável para que, no começo de 2020, a estrutura comece a funcionar plenamente.

“Será um CAT que refletirá em toda região e alavancará o turismo na região, pois também servirá para a proposição de soluções para o desenvolvimento do tema e reformular eventos para atrair mais públicos e também investidores”, considerou Joelma.

Atualmente Bagé já conta com um espaço destinado para este fim na avenida Santa Tecla, funcionando com duas servidoras nos turnos manhã e tarde. Porém a procura do serviço é abaixo de expectativa e o motivo avaliado pela Secult é de que o prédio está situado em uma via de grande circulação de veículos, inclusive com maior velocidade, o que faz com que muitas vezes o local possa nem ser percebido.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados