À espera

Abertura da safra do camarão 2020 de Rio Grande será na Ilha dos Marinheiros

Será no sábado com a expectativa de uma safra de três a quatro toneladas de camarão

30 de Janeiro de 2020 - 15h08 Corrigir A + A -
Conforme o secretário da Pesca, Cláudio Costa, a salinidade da lagoa é um dos fatores que tem influenciado positivamente a reprodução do crustáceo. (Foto: Paulo Rossi - DP)

Conforme o secretário da Pesca, Cláudio Costa, a salinidade da lagoa é um dos fatores que tem influenciado positivamente a reprodução do crustáceo. (Foto: Paulo Rossi - DP)

No próximo sábado (1º), inicia oficialmente a safra do camarão 2020. Em Rio Grande haverá um ato de abertura a partir das 11h, na Petiscaria da Ilha, na Ilha dos Marinheiros. Na programação também estão as entregas de dois trapiches, que irão auxiliar o trabalho das comunidades pesqueiras do município. Às 7h30min, ocorre a entrega do trapiche da rua Mario Gomes, no bairro Bernardeth. A partir das 10h, na Ilha dos Marinheiros, será entregue o trapiche do Porto Rei.

Conforme o secretário da Pesca, Cláudio Costa, a salinidade da lagoa é um dos fatores que tem influenciado positivamente a reprodução do crustáceo. Em algumas comunidades, já estão sendo pescados camarões de tamanho pequeno, o que, segundo Cláudio, é um bom sinal para a safra deste ano. A expectativa é de que a safra de 2020 atinja números melhores do que os registrados nos últimos dois anos. “Esperamos que a safra seja de média para boa, superando resultados da última razoável que tivemos, que foi a de 2017, com cerca de três milhões de quilos capturados. Temos a expectativa de que na safra de 2020 sejam pescados de três a quatro milhões de quilos de camarão”, declarou.

O secretário também destacou a importância dos trapiches para as comunidades de pescadores e para a economia do município Rio Grande. “A estrutura é importante para o pescador poder utilizar para a descarga e também para carregar seus equipamentos. Apesar de simples, é importante para comunidade de modo geral, mas principalmente no acesso à lagoa para a pesca. Já reformamos ou construímos 18 trapiches, pensado em melhorar a qualidade de vida dos nossos pescadores e as condições para a realização do seu trabalho. E faremos a entrega de dois novos visando a safra do camarão, que é a mais importante e significativa financeiramente para os pescadores, e que também contribui movimentando a economia do município”, finalizou.

 


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados