Investigação

A misteriosa explosão em Bagé

A localização do abalo foi bem próxima à região do município da Campanha, o que explica os diversos relatos de moradores de Bagé e Candiota sobre os tremores

08 de Outubro de 2020 - 16h56 Corrigir A + A -
A suspeita é de um evento antrópico, causado pelo homem, possivelmente pela explosão ou um desmonte, com energia equivalente a um sismo com magnitude 2,0. (Foto - Tiago Rolim de Moura)

A suspeita é de um evento antrópico, causado pelo homem, possivelmente pela explosão ou um desmonte, com energia equivalente a um sismo com magnitude 2,0. (Foto - Tiago Rolim de Moura)

A queda de um meteoro ou a explosão de algum artefato de grande potencial. São as duas possibilidades consideradas pelas autoridades que investigam o que teria causado o episódio em Bagé. De acordo com a MetSul, o Serviço Geológico Brasileiro confirmou o registro, na última terça-feira, nas estações da Região Sul da rede sismográfica brasileira, um evento antrópico, causado pelo homem, possivelmente pela explosão ou um desmonte, com energia equivalente a um sismo com magnitude 2,0.

A localização do abalo foi bem próxima à região do município da Campanha, o que explica os diversos relatos de moradores de Bagé e Candiota sobre os tremores - muitos, aliás, ficaram assustados. A Defesa Civil bageense informou que o abalo foi registrado em mais de dez bairros. A suspeita é que houve uma detonação de explosivos em obra perto da cidade. Mesmo assim, a Defesa Civil não descarta que o fenômeno tenha sido causado pela queda de um meteoro.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados