Inteligência Artificial

O que são bots? Entenda como funcionam os robôs virtuais

O intuito dos bots não é substituir o trabalho dos humanos, mas sim complementá-lo, auxiliando nas atividades repetitivas e numerosas. Os bots conseguem completar essas tarefas em menos tempo do que um colaborador conseguiria.

21 de Maio de 2021 - 07h38 Corrigir A + A -
Chat bot (Fonte: Freepik)

Chat bot (Fonte: Freepik)

Por: K2. - Assessoria e Comunicação Digital

contato@k2ponto.com.br

Sabe quando você acessa o site de uma loja e já na primeira página aparece uma caixa de conversa, onde um um robô pergunta o que você está procurando ou se está precisando de ajuda?

Esse robô que está falando com você nada mais é do que um bot - ou robô digital, como também é conhecido.

Os bots substituem a ação humana em conversas simples ou até mais complexas, a depender de como eles foram programados (aqui eles são chamados de chatbots). A grande vantagem nesses casos é a disponibilidade 24 horas por dia, 7 dias na semana.

No entanto, os bots não são úteis apenas para essas conversas automáticas que diversas empresas utilizam em seus sites. Suas aplicações são bem variadas.

👉 Bot deriva da palavra inglesa “robot”, que significa robô. Os bots são ferramentas automatizadas que servem para executar funções para as quais foram pré-programadas.

Os robôs digitais estão relacionados à inteligência artificial. Devido a isso, esses programas costumam interagir, em alguns casos, de forma similar aos humanos.

Por que utilizar bots?

O intuito dos bots não é substituir o trabalho dos humanos, mas sim complementá-lo, auxiliando nas atividades repetitivas e numerosas. Os bots conseguem completar essas tarefas em menos tempo do que um colaborador conseguiria. 🦾

Imagine a seguinte situação: um empresário possui um site com canais de comunicação e recebe inúmeras dúvidas diariamente. Muitas dessas questões são referentes a procedimentos corriqueiros, cujas respostas não são complexas.

Um colaborador teria plena capacidade de exercer essa função. No entanto, o tempo de trabalho seria enorme. Nesse caso, o bot auxilia respondendo de forma automática as questões para as quais ele foi programado.

Além disso, os bots armazenam em seus históricos os dados dos clientes que foram cadastrados na empresa. Isso é super útil para uma boa experiência do usuário, pois o cliente não precisa ficar repetindo seus dados em cada novo atendimento.

Caso surja uma questão mais complicada de responder e que requeira a ação humana, o colaborador entra em ação. Nesse contexto, o bot serve para agilizar os processos até esse momento.

Para que servem os bots: a aplicação na prática

Além dos chatbots, os robôs digitais ajudam em diversas tarefas diárias da vida pessoal:

  • reservar uma passagem de avião;

  • escutar as últimas notícias em um aplicativo;

  • visualizar a previsão do tempo no celular;

  • pedir comida online…

… entre várias outras.

Há também algumas aplicações que talvez você nem imaginasse que envolvessem bots. Mas algumas delas já são bem conhecidas:

Assistentes virtuais

Ter uma assistente parece exclusividade de empresários bem sucedidos. Contudo, com o avanço da tecnologia, hoje é possível ter sua própria ajudante virtual.

Você já deve ter ouvido falar na Siri, o aplicativo que atua como assistente pessoal para os dispositivos da Apple e que auxilia em tarefas diárias como efetuar ligações, enviar mensagens, checar agenda e muitas outras.

Tudo isso sem precisar tocar no celular, pois a Siri funciona pelo comando de voz (também é possível utilizar texto, se for a sua preferência).

Se você não tem um dispositivo da Apple, pode utilizar outras assistentes virtuais como Cortana eGoogle Assistant. Cortana é a assistente virtual do sistema operacional Windows 10 e o Google Assistant é o ajudante virtual disponibilizado pelo Google.

Bots na saúde

As instituições de saúde precisam dar conta de um atendimento que funcione 24 horas por dia e de forma eficiente, o que acaba sendo um grande desafio, devido à alta demanda.

De acordo com a plataforma Saúde Business, os bots precisam ser usados para melhorar a experiência dos usuários em relação ao atendimento, mas não substituem, de forma alguma, a presença humana.

Mas como aplicar os bots na saúde?

Os bots podem ser utilizados para agendar, remarcar e cancelar consultas, disponibilizar os resultados de exames e enviar mensagens e informações importantes.

Durante a pandemia de Covid-19, muitos bots têm sido utilizados para disseminar informações relacionadas ao vírus e ao andamento da vacinação em cada país.

Um exemplo de bot para o segmento é o Azure Healthcare Bot, da Microsoft, que contém ferramentas criadas por profissionais da saúde, farmacêuticos e pesquisadores.

O serviço combina inteligência médica integrada com recursos de linguagem natural, possibilitando o acesso a serviços e informações de saúde confiáveis e relevantes.

Reservas

Você já precisou reservar um quarto de hotel ou uma passagem de ônibus/avião? Provavelmente você fez isso por meio de uma ligação telefônica. Mas já tentou alguma vez pelo seu computador ou smartphone?

Os bots também possibilitam que você faça reservas sem precisar conversar com um atendente, apenas acessando o site ou canais de comunicação da empresa.

Além disso, é possível utilizar a extensão do Google Assistente chamada Duplex para fazer reservas e agendamentos pelo seu telefone, sem intervenção humana.

A ideia da extensão é auxiliar o usuário nos processos de reservar uma mesa em restaurante, marcar uma consulta médica, agendar um compromisso e ligar para uma loja para verificar os horários de atendimento, por exemplo.

OBS: Algumas dessas funcionalidades ainda não estão disponíveis, mas o Google vem desenvolvendo atualizações para melhorar o desempenho da extensão.

Bots para vender produtos

Imagine um produto que se vende sozinho. Parece história de filme de ficção, mas essa é uma das funcionalidades dos robôs virtuais. É possível criar bots que vendem os produtos sem precisar de alguém gerenciando o processo.

Funciona assim:

O bot interage com o consumidor, auxiliando-o a encontrar o produto. Esse consumidor, ao encontrar o que deseja, pode ir para o carrinho de compras direto da interface do bot e finalizar seu pedido.

As lojas online podem se beneficiar muito da utilização dos bots. Segundo a plataforma Pipedrive, as marcas conseguem melhorar seus serviços através da...

  • oferta de serviço rápido e em tempo real através de vários canais;

  • simplificação do processo de compras;

  • apresentação de ofertas personalizadas para cada cliente.

Os bots significam o fim do trabalho humano?

O intuito da utilização dos bots nos negócios não é de acabar com o trabalho humano, mas sim auxiliar em algumas tarefas, possibilitando que os colaboradores se dediquem a outras atividades que não podem ser feitas por máquinas ou inteligência artificial.

Segundo Geoffrey Keating, editor sênior da Intercom (plataforma de ponta para negócios feitos na internet), o objetivo dos bots não é eliminar as pessoas dos processos de vendas, por exemplo, mas sim inserir as pessoas certas no momento certo do processo.

___

Você já testou algum dos bots que citamos nesse artigo? Conte nos comentários como foi essa experiência! ✍️

 


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados