Polícia Federal

Operação Novo Rumo prende sete pessoas em Jaguarão

Ação de combate ao tráfico de drogas e crimes correlatos cumpre oito ordens judiciais na Região da Fronteira Sul

30 de Outubro de 2020 - 11h57 Corrigir A + A -
Uma pessoa foi presa em flagrante por porte ilegal de arma de fogo. (Foto: Divulgação PF)

Uma pessoa foi presa em flagrante por porte ilegal de arma de fogo. (Foto: Divulgação PF)

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta quarta-feira (30), a segunda fase da Operação Novo Rumo, para desarticular o tráfico local de drogas na Região da Fronteira Sul. Os cinco mandados de prisão preventiva foram cumpridos e duas pessoas presas em flagrante, em Jaguarão. Também foi feito um TC por posse de drogas. 

Ao todo são oito mandados de busca e apreensão e cinco mandados de prisão preventiva. A ação tem como objetivo desarticular organização criminosa que vendia entorpecentes nas proximidades do Fórum e do prédio do Ministério Público estadual na cidade. Um dos alvos dos mandados de prisão, nesta fase da operação, fez ameaças a uma delegada de polícia da região.

A investigação teve início em maio deste ano e no mês de julho foi deflagrada a Operação Novo Rumo - Fase I, com o cumprimento de cinco mandados de busca e apreensão, todos na cidade de Jaguarão. A Fase II iniciou a partir da análise de provas obtidas na primeira operação. Essa fase tem por objetivo aprofundar as investigações contra possíveis fornecedores de entorpecente e gerentes de tráfico da região, visando atingir integrantes de maior nível hierárquico dentro da organização criminosa investigada.

A operação foi batizada de "Novo Rumo" porque visa promover uma maior segurança para as localidades afetadas com o tráfico de drogas local.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados