Trânsito

Mulher de 59 anos morre atropelada na BR-392, em Rio Grande

Acidente ocorreu na noite de quinta-feira, quando a vítima cruzava a pista

15 de Novembro de 2019 - 13h13 Corrigir A + A -

Por: Redação
web@diariopopular.com.br

Policiamento está reforçado, justamente, para cumprir a maior missão: preservar vidas

(Foto: Divulgação)

Policiamento está reforçado, justamente, para cumprir a maior missão: preservar vidas (Foto: Divulgação)

Uma mulher de 59 anos morreu na noite desta quinta-feira (14), por volta das 19h50min, no Km 47,5, da BR-392, em Rio Grande. Leci Bandeira cruzava a pista quando foi atropelada por veículo de carga, com placas de Camaquã. Não houve interdição do local.

A morte já foi registrada durante a Operação Proclamação da República deflagrada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) desde as 12h desta quinta-feira. O trabalho só se encerrará à meia-noite do domingo (17). Os esforços contarão com reforço no efetivo e com o emprego de todas as tecnologias disponíveis, como o uso de etilômetros e o ônibus multimissão.

Historicamente, no período deste feriado é registrado um aumento significativo no fluxo de veículos e de passageiros nas rodovias federais. Durante a operação serão realizadas ações de fiscalizações para coibir condutas mais associadas a acidentes, como embriaguez ao volante e ultrapassagem irregular. Em relação ao combate ao crime, os agentes federais estarão fazendo abordagens e patrulhamento para garantir a segurança dos usuários das rodovias.

Atenção redobrada
Para minimizar riscos, os condutores devem revisarem os veículos antes do início da viagem, bem como respeitarem a sinalização da rodovia e não ingerirem bebidas alcoólicas. Segundo o superintendente da PRF no Rio Grande do Sul, Luís Carlos Reischak Júnior, os esforços estarão concentrados na maior missão: preservar vidas.

Durante a operação, ações de educação para o trânsito também serão realizadas.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados