Investigação

Homem é preso preventivamente por suspeita de estupro de vulnerável em Canguçu

A ação da Polícia Civil foi após uma menina dar entrada no hospital da cidade com trauma vaginal

31 de Julho de 2020 - 09h44 Corrigir A + A -
Agentes da Delegacia de Polícia de Canguçu passaram a investigar o caso. (Foto: Divulgação DP)

Agentes da Delegacia de Polícia de Canguçu passaram a investigar o caso. (Foto: Divulgação DP)

A Polícia Civil de Canguçu, durante  cumprimento de mandado de prisão preventiva, prendeu um homem suspeito de praticar estupro de vulnerável.

A investigação teve início a partir do atendimento médico de uma menina de dois anos que deu entrada no hospital para atendimento de um trauma vaginal.

O Conselho Tutelar foi acionado e encaminhou o caso para a Delegacia de Polícia de Canguçu. A investigação também apurou que o homem é suspeito de ter praticado abusos contra uma adolescente, cliente de seu estúdio de tatuagem.

Diante disso, a autoridade policial representou pela prisão preventiva, a qual foi decretada pela 2ª Vara Judicial de Canguçu.

Após os procedimento de praxe, o homem foi recolhido ao Presídio Estadual de Canguçu.


Comentários


REDES SOCIAIS

Diário Popular - Todos os direitos reservados