Cerco policial

Contrabandistas são presos pela Brigada Militar

Inicialmente, a BM acreditava que os suspeitos iriam resgatar os assaltantes mas em seguida se descobriu que os homens eram contrabandistas de cigarros que usavam vias alternativas como rota

09 de Julho de 2019 - 17h47 Corrigir A + A -

Por: Giulliane Viêgas
giulliane.viegas@diariopopular.com.br

O cerco policial segue montado para localização dos assaltantes do Sicredi. (Foto: Brigada Militar)

O cerco policial segue montado para localização dos assaltantes do Sicredi. (Foto: Brigada Militar)

Dois contrabandistas de cigarros foram presos por policiais militares do 30ºBatalhão de Polícia Militar (São Lourenço do Sul) após furar barreira policial, na localidade de Santa Isabel, que visa a localização e prisão dos suspeitos de assaltar a agência do Sicredi, em Arroio do Padre, na última sexta-feira. Inicialmente, a Brigada Militar acreditava que os suspeitos iriam resgatar os assaltantes mas em seguida se descobriu que os homens eram contrabandistas de cigarros que usavam vias alternativas como rota.

Na ação, dois homens foram presos e outros dois conseguiram fugir por um matagal. Os veículos em que os suspeitos estavam, tinham placas clonadas de Pelotas e Rio Grande. Os criminosos são oriundos de Camaquã. O cerco policial segue montado para localização dos assaltantes do Sicredi. 

 


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados