Combate

BM retira das ruas de Rio Grande 220 armas de fogo

Total representa a apreensão de 102 armas a mais do que em todo o ano de 2021 no município

18 de Junho de 2022 - 16h15 Corrigir A + A -
Apreensões representam prejuízo de mais  de R$ 2 milhões aos criminosos (Foto: Divulgação - DP)

Apreensões representam prejuízo de mais de R$ 2 milhões aos criminosos (Foto: Divulgação - DP)

Rio Grande enfrenta hoje uma onda de criminalidade, com foco em mortes violentas. Ao mesmo tempo, registra, pelo trabalho da Brigada Militar, uma das maiores apreensões de armas já realizadas. Desde o início de 2022 já foram apreendidas 220 armas de fogo nas ações policiais e operações da BM.

Ano passado foram retiradas de circulação das ruas 118 armas. Ou seja, já são 102 armas a mais em 2022 em relação a 2021.

Drogas
Além das diversas armas retiradas das mãos dos criminosos, também já foram apreendidos pelos policiais militares mais de 70 quilos de entorpecentes, sendo 44,5 quilos de maconha, 5,3 quilos de crack, 19,4 quilos de cocaína, 776 gramas de skunk e ainda 1.101 comprimidos de ecstasy.

Conforme o Comando do 6º BPM em Rio Grande, “essas apreensões de armas e drogas estimam um prejuízo de mais de R$ 2 milhões de reais às organizações criminosas que disputam espaço pelo controle do tráfico de drogas na cidade”.

“Esses resultados positivos representam a união das forças de segurança do Estado e do município e demonstram a qualificação dos efetivos integrados na busca para combater as e mortes violentas que vêm ocorrendo em Rio Grande”, informa, em nota, o Comando da BM, ressaltando ainda que o objetivo das ações realizadas pelo 6° Batalhão de Polícia Militar é o de proporcionar a toda a comunidade rio-grandina mais segurança e tranquilidade pública”.

Apreensões em Rio Grande pela BM (2022)
Armas – 220
Drogas – mais de 70 quilos
Maconha - 44,5 quilos
Crack - 5,3 quilos
Cocaína - 19,4 quilos
Skunk - 776 gramas
Ecstasy - 1.101 comprimidos


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados