Crime

Batalhão Ambiental apreende aves debilitadas em Camaquã

Animais de duas espécies estavam sendo transportados em um veículo sem nenhuma licença ou autorização; ocupantes do automóvel foram autuados por crime ambiental

08 de Novembro de 2019 - 18h46 Corrigir A + A -
Aves foram levadas para o Nurfs da UFPel para receberem tratamento (Foto: Divulgação - Brigada Militar)

Aves foram levadas para o Nurfs da UFPel para receberem tratamento (Foto: Divulgação - Brigada Militar)

Uma ação policial realizada em Camaquã apreendeu 49 aves em um veículo. O 1º Batalhão Ambiental da Brigada Militar (BABM) recebeu solicitação de apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF). Durante abordagem, foram localizados os animais.

No interior do veículo abordado estavam aves de duas espécies: pato-capororoca e cisne-de-pescoço-preto. Muitos animais estavam debilitados e estressados pelo mau acondicionamento em local confinado. Sem licença ou autorização para o transporte das aves, os ocupantes do automóvel foram autuados por crime ambiental.

As aves foram apreendidas e encaminhadas ao Núcleo de Reabilitação da Fauna Silvestre da Universidade Federal de Pelotas (Nurfs/UFPel), onde passaram por avaliação de biólogos e veterinários para que sejam acomodadas e recebem a alimentação adequada. Quando recuperadas, devem ser soltas em seu habitat natural.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados