Aniversário

4ºBPM próximo do centenário

Devido à pandemia de Covid-19, não haverá celebrações este ano

21 de Fevereiro de 2021 - 08h15 Corrigir A + A -

Por: Redação
web@diariopopular.com.br

A corporação só passou a ser chamada de 4º Batalhão de Polícia Militar (4º BPM) em 16 de junho de 1970. (Foto: arquivo BM)

A corporação só passou a ser chamada de 4º Batalhão de Polícia Militar (4º BPM) em 16 de junho de 1970. (Foto: arquivo BM)

Neste domingo (21), o 4º Batalhão de Polícia Militar (4ºBPM) completa 97 anos de atividades. A proximidade do centenário já seria um motivo para comemoração, mas em função da pandemia de Covid-19 não haverá a tradicional Formatura. Segundo o tenente-coronel, Márcio André Facin, o dia é para homenagear todos os servidores que já passaram pela corporação e os que atuam nas ruas de Pelotas e Região. "Não haverá celebração em respeito ao decreto que não permite aglomerações", ressaltou o comandante ao lembrar que o Batalhão atua diretamente em ações de prevenção à propagação do coronavírus.

De volta ao passado, a unidade surgiu em 1924 como 4º Batalhão de Infantaria Montada (4º BIM) e participou da Campanha Revolucionária de 1924 a 1927. Três anos depois, o novo Batalhão foi aquartelado no prédio 41 da avenida Bento Gonçalves, prédio que pertencia à Prefeitura Municipal. Em 1931, com efetivo de 497 homens, a unidade era responsável pela segurança de 11 municípios.

A primeira viatura equipada com rádio, veículo que tornou o policiamento mais eficiente, só foi adquirida em 1966. A corporação só passou a ser chamada de 4º Batalhão de Polícia Militar (4º BPM) em 16 de junho de 1970. Atualmente, o 4º BPM tem se destacado pelos serviços prestados à sociedade, em todos os municípios em que atua. Através de suas patrulhas especializadas como a Patrulha Maria da Penha, Patrulha Escolar e Patrulha Rural, presta serviços especializados e diferenciados para atender tipos de demandas específicas, além do serviço de Policiamento Ostensivo que executa diuturnamente.

 


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados