Planejamento

Encontro regional do PSB mira eleição de 2020

Evento em Rio Grande buscam atrair maior número de filiados e candidatos visando ampliar representação política nos municípios

14 de Setembro de 2019 - 17h33 Corrigir A + A -

Por: Redação
web@diariopopular.com.br

Bruck e Salazar organizam partido na região com vistas a 2020 (Foto: Paulo Rossi - DP)

Bruck e Salazar organizam partido na região com vistas a 2020 (Foto: Paulo Rossi - DP)

Com uma meta ambiciosa de saltar de 60 mil para mais de 70 mil filiados no Estado até o final do ano, o PSB fez na noite desta sexta (13), em Rio Grande, o 12º de 21 encontros regionais que pretende realizar até o final de outubro. O evento, na Câmara de Vereadores, reuniu a direção estadual do partido e cerca de 60 representantes da sigla na Zona Sul.

O grupo formou uma coordenadoria regional com o objetivo de organizar a estratégia partidária para a eleição de 2020. Sem a possibilidade de coligações partidárias para disputas ao Legislativo, os socialistas apostam em um maior número de candidaturas, reforçadas pelo aumento de filiados.

“Nosso objetivo é chegar a 300 vereadores e 40 prefeitos eleitos no ano que vem. Por isso estamos indo a cada região com antecedência, abrindo o debate e nos aprofundando no cenário de cada local”, explica o presidente estadual do PSB, Mário Bruck.

Integrante dos governos das duas principais cidades da Zona Sul - Pelotas e Rio Grande -, o presidente diz não ver conflito interno por conta do apoio a uma prefeitura liderada pelo PSDB e outra pelo PT. “Não temos uma orientação nacional vedando estes apoios. O que nos guia nas alianças é o programa político local. Precisa ter foco em políticas sociais.”

Pelotas

Em entrevista ao Diário Popular acompanhado do ex-secretário estadual de Obras, Saneamento e Habitação, Rogério Salazar, Bruck minimizou conflitos internos do PSB em Pelotas. “É uma cidade importante, um grande colégio eleitoral. Queremos nos manter organizados e, no mínimo, continuar com a atual bancada de três vereadores. O papel da direção estadual do partido é auxiliar nesse diálogo”, pondera.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados