Mudanças

Sede do Batalhão de Choque da Brigada Militar foi tema de reunião na Câmara

Em visita na Casa, o comandante de Polícia de Choque do RS e o comandante do 5ºBP Choque, abordaram a necessidade de uma nova estrutura para o Batalhão em Pelotas

08 de Abril de 2021 - 19h11 Corrigir A + A -

Por: Redação
web@diariopopular.com.br

Ofícios foram recebidos pelo presidente da Câmara, Cristiano Silva (PSDB) e por outros vereadores [Foto: Paulo Ferreira]

Ofícios foram recebidos pelo presidente da Câmara, Cristiano Silva (PSDB) e por outros vereadores [Foto: Paulo Ferreira]

A construção de uma nova sede para o Batalhão de Polícia de Choque se tornou o tema principal de uma reunião do Legislativo com representantes da Brigada Militar. Além de fazer uma visita de cortesia, o comandante do Policiamento de Choque do Estado, coronel Cláudio Feoli, abordou os três principais pilares de trabalho do Grupamento.

O Comandante do 5º Batalhão de Polícia de Choque, major Anderson Witt, também esteve na visita. Eles reforçaram a necessidade de ter um espaço mais amplo para o Batalhão. “O local atual está muito pequeno para poder receber equipamentos, viaturas e treinamentos dos policiais”, abordou o major Anderson. Ele ainda destacou a importância de ter o Choque em Pelotas, “O Batalhão é muito bem equiparado e teve uma seleção rigorosa de profissionais que passaram por cursos preparatórios”.

Os comandantes foram recebidos pelo presidente da Casa, Cristiano Silva (PSDB) e pelos vereadores Paulo Coitinho (Cidadania),Carlos Júnior (PSD) e Marcola (PTB). Na reunião foi relatado para os parlamentares que a prefeita já sinalizou a doação do terreno para a construção da nova sede e que, possivelmente, o pedido de autorização da cedência chegue em breve na Câmara. O comandante do 5º Batalhão, também abordou que uma construtora da cidade já se ofereceu  para desenvolver o projeto arquitetônico do local.

O Chefe do Legislativo se comprometeu em dar urgência na votação do projeto, assim que ele chegar na Casa. “Há umas duas semanas visitei a prefeita e aproveitei para cobrar a vinda do projeto de doação do terreno, para tramitação na Câmara. O Batalhão de Choque é muito importante não só para Pelotas, mas também para toda região”, finalizou Cristiano Silva

O 5º Batalhão de Polícia de Choque


O Batalhão de Choque chegou em Pelotas no final de 2019. Com o efetivo de aproximadamente 115 policiais, atua em 27 municípios da região Sul. Atualmente está sediado entre as ruas Almirante Barroso e avenida Bento Gonçalves. O terreno que vai ser disponibilizado para a nova estrutura, fica localizado próximo a subestação da Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE), com acesso pela avenida Ferreira Viana.

Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados