Eleições 2020

Disputa promete ser acirrada em Arroio Grande

Pleito reúne o atual vice-prefeito, o ex-prefeito Jorginho e o vereador mais votado para a Câmara em 2016

22 de Outubro de 2020 - 10h25 Corrigir A + A -

Por: Michele Ferreira
michele@diariopopular.com.br 

Arroio Grande Lavoura - Arquivo IrgaVocação: arroz é uma das riquezas do município (Foto: Arquivo - Irga)

O páreo tende a ser duro em Arroio Grande. Com o prefeito Luís Henrique Pereira da Silva (PP) - já reeleito - fora da disputa, quem assume a dianteira pela sucessão é o atual vice, Ivan Guevara Lopez, que mudou de partido, deixou o PTB e agora concorre pelo PP. O pleito inclui outros nomes de peso no cenário político, com destaque para o ex-prefeito Jorge Luiz Cardozo (PSDB), o Jorginho, e para os três vereadores mais votados em 2016, que decidiram abandonar o ambiente da Câmara e tentar as cadeiras do Executivo.

Na última eleição, a disputa já foi apertada. A dupla Luiz Henrique e Ivan Lopez foi reeleita com 5.919 votos. Em segundo lugar ficou Jorginho - que comandou a prefeitura entre 2005 e 2012 -, com 5.751 votos. Uma diferença de apenas 168. O confronto ainda contava com a candidatura de Edgar Mendes Machado, pelo PSD, que agora retorna na condição de vice e pelo PDT, que sempre foi o partido de Jorge Luiz Cardozo nos três mandatos de vereador e nos dois como prefeito de Arroio Grande.

Aliás, quem assume como cabeça de chapa dos pedetistas em 2020 é Oscar Schuster, que cumpre o quarto mandato seguido como vereador e, em 2016, foi o mais votado do Legislativo com 821 votos. Agora resta saber quem os 14.516 eleitores irão escolher, no domingo, 15 de novembro.

BeFunky-collage (16)

Ivan (PP) - 11

Ivan Antônio Guevara Lopez, 63 anos
Natural da Nicarágua, naturalizado brasileiro
Médico e vice-prefeito

Vice: Casca Silva (PP), 56 anos, professor de Ensino Fundamental e vereador

Coligação: PP, PTB e PSB (Aliança Popular)

1. Mais emprego e renda. Ampliar as políticas públicas ligadas ao agronegócio será uma das prioridades, já que é a principal atividade econômica do município. Promover cursos específicos para o agro, como de tratorista e operação de retroescavadeira e fomentar a abertura de novas agroindústrias também estão nos planos. Implementar o programa Jovem Empreendedor, incentivar o turismo local, fortalecer o comércio e dar incentivos para novas empresas se instalarem em Arroio Grande também integram o plano de governo.

2. Mais saúde e educação. Juntos, os dois temas reúnem 15 ações diferentes. Entre as propostas estão o aumento do número de farmácias distritais, a criação de um Centro Municipal de Fisioterapia e a ampliação do convênio com a Santa Casa para realizar cirurgias e partos de baixo risco. “Na área da educação, queremos ampliar a política de educação inclusiva, democrática e solidária em todos os níveis e modalidades de ensino”, garante. Estimular a arte, a música e a produção audiovisual na escola também compõe a lista de planos.

3. Mais infraestrutura e ação social. O candidato, que integra a gestão de Arroio Grande desde 2013 como vice-prefeito, lança-se um desafio: “Eliminar 100% das valetas do município”. Fortalecer a rede de atendimento às mulheres em situação de violência também desponta entre as propostas.

Jorginho (PSDB) - 45

Jorge Luiz Cardozo, 63 anos
Natural de Arroio Grande
Produtor agropecuário e ex-prefeito

Vice: Mauro Pipoquinha (PSDB),
39 anos, vereador

Sem coligação

1. Geração de emprego e renda. Um dos principais alvos será a ampliação do Parque Industrial, com o estabelecimento de novas áreas a serem entregues a empresas que serão incentivadas a se instalar no município. “Vamos adquirir áreas de terra e dividir em lotes industriais”. Jorginho projeta a criação da função, não remunerada, de “embaixador de Arroio Grande” a ser preenchida por Renato Sun Yue, representante da empresa de secagem e armazenagem de cereais Golden Seed. A instalação de novas unidades no ramo de beneficiamento de arroz, moinho de trigo e fábrica de rações já estariam em tratativas com Sun Yue.

2. Desenvolvimento econômico e social. Criar rubrica orçamentária para fornecimento de alimentação e medicamentos a pessoas de baixa renda e em situação de vulnerabilidade social, devidamente cadastradas na Secretaria de Trabalho, Habitação e Ação Social e firmar convênios com empresas do comércio local para troca do “Cheque Cesta Básica”; um projeto a ser criado pelo governo.

3. Saúde. Criação do programa “Arroio-grandense nasce aqui” para a ampliação do atendimento de pré-natal, parto e pós-parto, em parceria com a Santa Casa de Misericórdia através da criação de estrutura operacional para que os partos normais ocorram no município.

Oscar Schuster (PDT) - 12

Oscar Schuster Neto, 48 anos
Natural de Arroio Grande
Pedagogo e vereador

Vice: Edgar Mendes Machado (PDT),
55 anos, empresário
Coligação: PDT e Republicanos (Vamos Governar Juntos)

1. Saúde. O tema é dividido em sete pontos principais. Entre eles estão a reabertura do bloco cirúrgico, a criação dos programas Arroio Grande Nasce Aqui e Saúde na Hora, Farmácia Municipal aberta diariamente - inclusive sábados, domingos e feriados - e Unidade Móvel destinada ao interior. “Melhorar a saúde é a base para auxiliar a qualidade de vida da comunidade”, resume.

2. Educação. As propostas estão organizadas em quatro eixos centrais: educação integral para os alunos do 8º Ano e do 9º Ano do Ensino Fundamental, pré-vestibular gratuito, parcerias com universidades federais - para cursos de graduação e de pós-graduação - e valorizar a inclusão escolar

3. Habitação. Investir em moradia digna, para promover bem estar social e em respeito ao cidadão, será uma das prioridades. Para tirá-la do papel, o candidato prevê dois tipos de ações: a doação de terrenos e chalés e o apoio com material de construção e mão de obra para reformas residenciais. “Precisamos fazer gestão com mais eficiência e controle de gastos. Só assim, é possível avançar”, reitera Schuster, ao referir-se a diferentes setores.

E para a Câmara de Vereadores, como está a disputa?

51 candidatos:
32 homens (62,7%)
19 mulheres (37,3%)
44 brancos (86,3%)
7 pretos/pardos (13,7%)


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados