Artigo

Marketing para o agronegócio: o guia completo - Parte 4

30 de Outubro de 2019 - 05h00 0 comentário(s) Corrigir A + A -

Por: Ricardo Vinhas, consultor empresarial - ricardo@k2ponto.com.br

Na semana passada, vimos como investir nos dados certos. Neste 4º e último editorial sobre o agronegócio, analisaremos as táticas de marketing que funcionam para o segmento.

Marketing integrado

Existem inúmeras maneiras de se comunicar com os produtores que você está tentando alcançar. As melhores campanhas utilizam seus canais com maior desempenho e os reúnem em um esforço integrado. Se um produtor vê um anúncio de marca em vídeo e, em seguida, recebe um e-mail com as mesmas informações, é mais provável que ele abra e clique no e-mail, simplesmente porque já está familiarizado com ele.

E-mail marketing

Método bem conhecido e comprovado de comunicação com clientes, prospects e o mercado em geral. Um estudo mostrou que, para cada US$ 1 gasto, o e-mail marketing gera US$ 38 em retorno para o investimento. Se você já possui um arquivo com endereços de e-mail ou o adquiriu por meio de anexação de dados, este é um ótimo lugar para começar. Antes de enviar, no entanto, valide os e-mails, para maximizar a capacidade de entrega e garantir que só sejam disparados para endereços válidos.

Anúncios programáticos

Com os sistemas de tecnologia avançada em ascensão, a mídia agrícola tradicional está lutando para acompanhar o passo, apesar de manter um bom relacionamento com os agricultores por muitos anos. Ferramentas como a publicidade programática permitem atingir audiências com base em dados demográficos e no comportamento do consumidor. A programática é a forma dominante de gastos com anúncios on-line, embora o setor agrícola pareça estar muito atrasado no uso da tecnologia de anúncios.

Em resumo, programática é a compra e venda automatizada de espaço publicitário digital. Em vez de apenas colocar em um site um anúncio que vende vários tipos de equipamentos agrícolas - e torcer para que apareça para os olhos certos -, os métodos de publicidade digital permitem controlar quem vê seu anúncio em um nível muito específico.

Mala direta

Mesmo na era digital, a mala direta está aqui para ficar. O envio de impressos que chegam diretamente às caixas de correio é uma ótima maneira de chamar a atenção para uma marca. E, entre os agricultores em particular, essa é uma das formas mais confiáveis de manter contato com eles.

Marketing de redes sociais

As mídias sociais são um item crucial na caixa de ferramentas do agronegócio. Para empresas agrícolas, é importante entender como os produtores usam as redes sociais e de que jeito isso afeta a forma como você vende para eles.

Dados recentes mostraram que elas são muito populares entre produtores rurais. Para tirar o máximo proveito de todas as oportunidades disponíveis de marketing e vendas, veja como os agricultores estão consumindo as redes sociais e como você pode usá-las para implementar sua estratégia de negócios.

Aqui estão algumas maneiras fáceis de começar com as redes sociais:
- Compartilhe conteúdos que os produtores acharão interessantes.
- Fale sobre os acontecimentos da sua empresa, mostrando a equipe e os bastidores.
- Mencione as próximas ofertas ou lance novos produtos nas redes sociais.
- Ofereça conteúdo de qualidade que incentive o download, em troca da obtenção do endereço de e-mail e da permissão para continuar enviando comunicações, com a intenção de convertê-los em futuros clientes.

Aqui encerramos a série de artigos sobre o agronegócio. Esperamos que você tenha tido bastante proveito.

Leia também:

Marketing para o agronegócio: o guia completo - Parte 1
Marketing para o agronegócio: o guia completo - Parte 2
Marketing para o agronegócio: o guia completo - Parte 3


Comentários

Diário Popular - Todos os direitos reservados