Para deixar em dia

Licenciamento de placas com final 1, 2 e 3 vence dia 30 de abril

Para as placas de final 4, 5 e 6, o documento vale até 31 de maio; placas de final 7 e 8 têm prazo até 30 de junho; e placas de final 9 e 0, até 31 de julho

20 de Março de 2017 - 16h57 0 comentário(s) Corrigir A + A -

Aproximando-se o mês de abril, o Detran/RS alerta os proprietários de veículos com placas de final 1, 2 e 3 para o vencimento do licenciamento. O prazo para essas placas circularem com o documento 2016 termina no dia 30 de abril.

O proprietário deve quitar, além do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), o seguro obrigatório (DPVAT), a taxa de expedição do Certificado de Registro e de Licenciamento do Veículo (CRLV) e multas vencidas, se houver.

Caso tenha pago o IPVA e ainda não tenha recebido o documento, o proprietário deve primeiro verificar se quitou todos os itens que compõem o licenciamento ou ainda se há algum processo pendente. É possível consultar a situação do veículo no site do Detran/RS www.detran.rs.gov.br, com a placa e o número do Renavam.

Embora o prazo para o pagamento do IPVA de todos os veículos vença até o final de abril, a validade do licenciamento 2016 varia conforme o número final da placa. Para as placas de final 4, 5 e 6, o documento de 2016 vale até 31 de maio; placas de final 7 e 8 têm prazo até 30 de junho; e placas de final 9 e 0, até 31 de julho.

Se ainda restarem dúvidas, ligue para o Disque Detran no 0800 5103311 ou, se estiver ligando de celular ou de fora do estado, para 3288 2000. Você também pode encaminhar e-mail para o Fale Conosco do site ou entrar em contato pela fanpage.

No caso de dúvidas, é possível entrar em contato por telefone com o Disque Detran, por e-mail com o Fale Conosco ou pela fanpage nas redes sociais (Imagem: Divulgação)

No caso de dúvidas, é possível entrar em contato por telefone com o Disque Detran, por e-mail com o Fale Conosco ou pela fanpage nas redes sociais (Imagem: Divulgação)


Comentários


  • Não há comentários, seja o primeiro a comentar!


Diário Popular - Todos os direitos reservados