Tecnologia

UPA Areal está totalmente informatizada

Agora cada usuário é cadastrado diretamente no sistema da UPA, sendo chamado conforme a classificação, através de um painel digital fixado na recepção

21 de Fevereiro de 2020 - 11h50 Corrigir A + A -
Desde que o IB Saúde assumiu a gestão da UPA, em dezembro de 2019, mais de 8,8 mil pessoas já foram acolhidas no local. (Foto: Divulgação - DP)

Desde que o IB Saúde assumiu a gestão da UPA, em dezembro de 2019, mais de 8,8 mil pessoas já foram acolhidas no local. (Foto: Divulgação - DP)

Foi concluído o processo de informatização da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Areal. Agora, todos os sistemas de gestão e o atendimento à comunidade são digitais, este último seguindo o protocolo Manchester de classificação de risco.

Se antes o acolhimento era realizado de forma manual, através do preenchimento de fichas, agora cada usuário é cadastrado diretamente no sistema da UPA, sendo chamado conforme a classificação, através de um painel digital fixado na recepção.

“Isso garante aos profissionais de saúde informações seguras e rápidas, resultando em um diagnóstico mais ágil para os usuários e em um melhor controle dos processos administrativos e de suprimentos”, explica o diretor administrativo do espaço, Guilherme Bergmann.

Desde que o IB Saúde assumiu a gestão da UPA, em dezembro de 2019, mais de 8,8 mil pessoas já foram acolhidas no local. Além disso, foram contratados um médico para atendimento noturno - totalizando cinco à disposição da população (três de dia e dois à noite) - e os serviços de uma ambulância, que, por enquanto, leva os pacientes que precisam de raios X até a Santa Casa.

“Nossas metas para 2020 incluem a disponibilização do exame de raios X dentro da UPA e a interligação de todos os nossos sistemas. Também está prevista a contratação de empresa especializada para ofertar laudo de eletrocardiograma em até três horas”, afirma Bergmann.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados