Manutenção

Sanep inicia limpeza noturna de mil bueiros

Equipes vão virar a madrugada limpando as estruturas, essenciais ao escoamento da água da chuva

26 de Maio de 2020 - 12h40 Corrigir A + A -
Lixo. Na semana passada, grande quantidade de resíduo foi retirada em galeria da Amarante. (Foto: Sanep)

Lixo. Na semana passada, grande quantidade de resíduo foi retirada em galeria da Amarante. (Foto: Sanep)

Apesar da estiagem que ainda atinge Pelotas e região, o Sanep já prepara o seu sistema de drenagem pluvial para o período chuvoso que, normalmente, é esperado para a estação do inverno. As equipes da autarquia iniciam nesta terça-feira (26) um mutirão de limpeza de mil bocas de lobo da área central da cidade, em serviço ininterrupto das 19h às 7h. A ação terá início na esquina das ruas Gonçalves Chaves e Tiradentes e é mais uma das operações de limpeza e manutenção executadas pelo Sanep para qualificar a drenagem do município. O trabalho seguirá nos próximos dias.

A ação será feita à noite, em horário de pouco movimento na zona central, a fim de evitar transtornos à população e gerar menos aglomerações, conforme orientação para combater a propagação do novo coronavírus. A limpeza destes dispositivos é essencial para o escoamento das águas da chuva e para seu redirecionamento às redes coletoras, evitando alagamentos e água parada nas vias. No entanto, tão importante quanto este serviço, é a conscientização da população para dar o devido destino aos seus resíduos.

Na semana passada, a equipe do Departamento de Drenagem do Sanep se deparou com uma situação preocupante, mas não incomum, de obstrução de boca de lobo na rua Doutor Amarante, no Centro. Uma grande quantidade de lixo foi retirada do local _ principalmente, garrafas pet _, justificando o fato da água da chuva acumulada no seu entorno não conseguir escoar.

O mutirão integra a série de ações desencadeadas pela autarquia para preservar e dar manutenção aos sistemas de drenagem da cidade. Exemplo disso é que, desde 2017, um programa inédito de limpeza de canais é feito do município. Somente naquele ano, 80 quilômetros foram limpos.

Desde então, o Sanep conserva os resultados obtidos com a intervenção voltando aos canais para retirar resíduos _ de todos os tipos, de garrafas a colchões _ e evitar que eles cheguem às oito casas de bomba de Pelotas e ocasionem sua danificação, já que são estas as estruturas responsáveis pelo escoamento adequado da água da chuva.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados