Saúde

Samu atende mais de 13 mil casos de janeiro a novembro de 2019

Novas tecnologias devem tornar mais rápido o atendimento dos chamados em 2020

22 de Janeiro de 2020 - 19h15 Corrigir A + A -

Por: Redação
web@diariopopular.com.br

Novas tecnologias devem agilizar atendimento (Foto: Divulgação - DP)

Novas tecnologias devem agilizar atendimento (Foto: Divulgação - DP)

De janeiro a novembro de 2019, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) atendeu 13.305 casos na cidade, a maioria — 7,5 mil — ligados a agravos clínicos, como convulsões, desmaios, Acidente Vascular Cerebral (AVC), infartos e outras urgências. Das cerca de 114 mil ligações recebidas nos 11 meses do ano, mais de 28 mil foram efetivamente reguladas pelo Samu de Pelotas, que também atende outros dez municípios da região.

tempo médio de resposta desde o início da ligação até o acionamento da ambulância pelo médico regulador ficou em 11 minutos, caindo para 2 minutos e 30 segundos para a motolância. A adoção de aplicativos como o SAPH Móvel e o Chamar 192 deve melhorar e agilizar a resposta do Samu aos chamados da população em 2020. A frota também foi toda renovada, garantindo mais qualidade ao atendimento. 

Trotes: na contramão da vida

Das 124 mil ligações recebidas pelo Samu em 2019, mais de 11,8 mil foram trotes, o que equivale a quase 10% do total. Entre as outras, estão situações diversas, como enganos ou pedidos de informação, além das que foram efetivamente atendidas pelo serviço.  

Samu em números - jan a nov 2019

  • Três ambulâncias básicas, uma ambulância de suporte avançado, dois veículos para transporte simples, duas motolâncias e 97 colaboradores
  • 11 cidades reguladas: Pelotas, São José do Norte, Pinheiro Machado, Canguçu, São Lourenço do Sul, Capão do Leão, Arroio Grande, Santa Vitória do Palmar, Santana da Boa Vista, Jaguarão e Piratini
  • Número total de ligações: 114.303
  • Número de regulações: 28.660
  • Número de atendimentos: 13.305
  • Número de trotes: 10.847
  • Número de casos atendidos:

Clínicos: 7.518  

Traumáticos: 3.587  

Psiquiátricos: 1.957  

Obstétricos: 243


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados