Ação

RU da UFPel já entregou mais de dois mil ranchos

O serviço foi implementado em maio como forma de suprir demandas dos alunos que antes faziam suas refeições nos Restaurantes Universitários

29 de Setembro de 2020 - 12h47 Corrigir A + A -
Os kits atendem os diferentes públicos e incluem versões para veganos e vegetarianos (Foto: Jô Folha - DP)

Os kits atendem os diferentes públicos e incluem versões para veganos e vegetarianos (Foto: Jô Folha - DP)

Média de retiradas é de 400 ranchos ao mês (Foto: Jô Folha - DP)

Média de retiradas é de 400 ranchos ao mês (Foto: Jô Folha - DP)

Mais uma forma de colocar em prática as políticas de assistência estudantil da Universidade Federal de Pelotas (UFPel): neste final de mês, um total de 420 estudantes em vulnerabilidade social vão receber o rancho de produtos alimentícios, destinado às refeições de outubro. A segunda-feira (28) foi dia de buscar os insumos no Restaurante Universitário da Santa Cruz e os alunos homologados têm até esta terça, das 11h às 14h, para comparecer à entrega no mesmo local. O RU fica localizado na rua Santa Cruz, 1.705.

Em maio, a política foi implementada com foco nos alunos bolsistas da categoria integral da Pró-reitoria de Assuntos Estudantis (PRAE). Antes da pandemia da Covid-19, este grupo de estudantes tinha acesso gratuito às refeições servidas no Restaurante Universitário, além do café da manhã e ceia. Já que o local está fechado para garantir a segurança sanitária da comunidade acadêmica da Universidade, a equipe de funcionários segue entregando as marmitas com os alimentos, além dos ranchos a cada fim de mês.

Atualmente, a média de retiradas é de 400 ranchos ao mês, explica a gerente do Restaurante Universitário da Santa Cruz, Roberta Portela. As retiradas ocorrem na última sexta-feira do mês e os alunos que não buscarem podem receber ainda na semana seguinte. “Nós damos uns dois dias pros alunos buscarem e depois disso, se o rancho não for retirado, ligamos para a pessoa”, explica a gerente.

O trabalho de busca ativa é para que os insumos não deixem de ser consumidos. A compra dos alimentos dá preferência às marcas da região, principalmente pelo custo de entrega - a Tordilho Alimentos e a Arrozeira Floresta, empresas pelotenses, são alguns dos exemplos. 

Os alimentos do rancho são destinados ao consumo no mês seguinte à entrega, composto por itens com ou sem carne, para os veganos e vegetarianos. A lista de produtos conta com arroz, feijão, açúcar, sal, farofa, biscoitos, macarrão, óleo, ervilha, milho, batata palha e produtos com origem animal como linguiça calabresa, sardinha e salsicha. Para aqueles que não consomem carne, o rancho é entregue com proteína de soja, grão de bico, feijão branco e lentilha.

Ajuda que faz a diferença

Quem recebe mensalmente o rancho da UFPel sabe a diferença que os alimentos fazem nos gastos de todo mês. Roddyguez Lukuam, por exemplo, é aluno do curso de Gestão Ambiental e desde março tenta voltar para casa, na República do Congo, na África. Mais de 7,9 mil quilômetros e o Oceano Atlântico de distância da família, os alimentos são de grande ajuda no mês. “Por causa do meu tipo de visto, não posso trabalhar e ainda não consegui voltar para casa por causa da falta de tráfego aéreo. O rancho ajuda muito a passar o mês”, conta.

Essa foi a segunda vez que solicitou a sacola de alimentos, assim como foi com a Nadriele Cunha. Ela é aluna da graduação de Nutrição e, com a pandemia, acabou ficando com as oportunidades de trabalho escassas. “Trabalhava muito como freelancer, em bares, já que meu curso é integral só consigo trabalhar durante a noite. Agora parou tudo. Sou muito grata à UFPel pelo rancho”, frisa.

Solicitações disponíveis para novembro

Até o dia 2 de outubro, alunos bolsistas da categoria integral podem solicitar o rancho referente ao mês de novembro. A lista de homologados será divulgada nas páginas da PRAE e da UFPel, no dia 5 de outubro. Todos os estudantes interessados deverão realizar a inscrição, independente de haverem sido homologados em meses anteriores. Dúvidas e contestações deverão ser encaminhadas ao e-mail ru.praeufpel@gmail.com até às 17h do dia 7 de outubro. 

Estudantes que optarem pela retirada do rancho não poderão frequentar o Restaurante Universitário entre os dias 27 de outubro e 26 de novembro, exceto para a retirada do Kit desjejum. O formulário está disponível on-line no endereço https://forms.gle/2Tp7eEeZx6VSXubm9.

A entrega dos insumos ocorrerá no dia 26 de outubro, nos horários que ainda serão divulgados pela Universidade, em três pontos de distribuição:

RU da Santa Cruz, localizado na rua Santa Cruz, 1.705.

Faculdade de Medicina (Famed), na avenida Duque de Caxias, 250, no Fragata.

Escola Superior de Educação Física (Esef), localizada na rua Luís de Camões, 625, nas Três Vendas.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados