Fronteira

RF no Chuí realiza mais um desembaraço acelerado de lote de medicamentos para a Covid-19

Os produtos, vindos do Uruguai, foram importados para o atendimento a casos graves do novo coronavírus

13 de Agosto de 2020 - 19h31 Corrigir A + A -
A carga liberada seguiu direto para o hospital, na capital gaúcha, que importou os medicamentos. (Foto: Divulgação)

A carga liberada seguiu direto para o hospital, na capital gaúcha, que importou os medicamentos. (Foto: Divulgação)

 

Na tarde do dia 13 de agosto, as equipes da Inspetoria da Receita Federal no Chuí e da Anvisa liberaram a entrada em território nacional de mais um lote de medicamentos para entubação traqueal de pacientes que necessitam de auxílio respiratório. Os produtos, vindos do Uruguai, foram importados para o atendimento a casos graves da Covid-19. A carga liberada seguiu direto para o hospital, na capital gaúcha, que importou os medicamentos.

 

Com mais essa atuação, a Receita Federal dá continuidade a suas ações visando preservar a segurança das fronteiras nacionais e também garantir agilidade nos desembaraços aduaneiros para atender às demandas de saúde da população nesta pandemia.

 


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados