Saúde

Quase 600 mulheres encaminham exames em cinco dias

Ações do Outubro Rosa têm foco na prevenção dos cânceres de colo de útero, e de mama e em Infecções Sexualmente Transmissíveis

11 de Outubro de 2018 - 13h22 Corrigir A + A -

Por: Redação
web@diariopopular.com.br

Acesso. USBs disponibilizam também testes rápidos para HIV, sífilis e hepatites (Foto: Infocenter DP)

Acesso. USBs disponibilizam também testes rápidos para HIV, sífilis e hepatites (Foto: Infocenter DP)

Desde que começou a campanha do Outubro Rosa, no dia 4 deste mês, 578 mulheres já realizaram coleta para a realização do exame de pré-câncer de colo de útero em uma das 50 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) de Pelotas. “Consideramos esse número muito bom, sobretudo porque se refere ao período de apenas cinco dias úteis”, avaliou a diretora de Ações em Saúde, da Secretaria de Saúde (SMS), Eliedes Ribeiro. Até o final do mês, os profissionais da Saúde vão focar na conscientização e na prevenção dos cânceres de colo do útero e de mama, além das Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs).

No mês passado, a SMS realizou encontros para mobilizar médicos, enfermeiros e agentes comunitários de saúde para as ações de prevenção, uma vez que eles são a principal ferramenta para atingir o maior número de pacientes. 

Entre as ações, estão previstas a busca ativa de mulheres entre 25 e 64 anos, idades preconizadas pelo Ministério da Saúde para coleta de citopatológico. A meta é atingir, em até um ano, 23 mil mulheres usuárias do Sistema Único de Saúde dentro da faixa etária. As unidades vão priorizar os agendamentos de exames e as consultas preventivas. Serão disponibilizados, também, os testes rápidos para HIV, sífilis e hepatites.

Caderneta da Mulher Pelotense
Dia 17 deste mês será lançada a Caderneta da Mulher Pelotense, que será distribuída pelos agentes e entregue nas UBSs. Trata-se de um guia completo à saúde da mulher, com dados da paciente, controle de histórico de procedimentos, marcações de exames, dicas de prevenção e informações úteis.

Ações do Outubro Rosa nas 50 UBSs do município:

- Atividades de educação em saúde com enfoque na mulher (dentro das UBSs e espaços comunitários)
- Busca ativa de mulheres entre 25 e 64 anos para coleta de citopatológico
- Agenda para atendimento às mulheres
- Disponibilização de material informativo à população
- Parcerias, em alguns bairros, com meios de divulgação locais para esclarecer e sensibilizar a população da importância do Outubro Rosa
- Dia de embelezamento das mulheres com parcerias de profissionais locais
- Sensibilização para realizar a vacina contra HPV em escolares
- Disponibilização dos testes rápidos (HIV, sífilis e hepatites)
- Atividades em sala de espera: roda de conversa sobre o tema Outubro Rosa


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados