Educação

Programa Ser Saudável da UCPel alerta para doação de órgãos

Ação “Doar para Salvar” ocorre no Largo do Mercado Público, neste sábado (25), com distribuição de material informativo

23 de Setembro de 2021 - 22h27 Corrigir A + A -

Por: Redação
web@diariopopular.com.br

 (Foto: Divulgação - DP)

(Foto: Divulgação - DP)

A pandemia do coronavírus, além de adoecer e tirar a vida de milhares de pessoas mundo afora, também tem causado o crescimento de outro número: o de pacientes na fila por um transplante. Segundo a Associação Brasileira de Transplante de Órgãos, desde de 2020 mais da metade das famílias brasileiras disseram “não” para a doação, o que colaborou para o aumento de cerca de 30% da mortalidade de quem espera pelo gesto. Um alerta para essa realidade é o propósito da ação “Doar para Salvar” que será realizada neste sábado (25), das 9h às 12h,  pelo Programa de Extensão Ser Saudável da Universidade Católica de Pelotas(UCPel).

Os alunos dos cursos de Medicina, Enfermagem, Psicologia, Odontologia e Farmácia, que fazem parte da ação extensionista, irão distribuir material com código de acesso para o ambiente virtual com informações sobre o Setembro Verde e a doação de órgãos. Dúvidas frequentes, entre elas “como se tornar um doador”, são respondidas no conteúdo  feito pelos acadêmicos da Católica. “Para a construção dos folders informativos, foram consultadas fontes seguras, que nos permitem levar o conteúdo verídico à população", explica a aluna da Medicina, integrante do programa Ser Saudável, Rafaella Zanetti.

A proposta da atividade “Doar para Salvar” é baseada no propósito do programa de extensão - educar para uma vida mais saudável.

Parceiros

Além dos extensionistas do Ser Saudável também farão parte da ação integrantes da  Organização de Procura de Órgãos e Tecidos (OPO), o Hemocentro Regional de Pelotas (Hemopel) e a Aliança Brasileira pela Doação de Órgãos e Tecidos (ADOTE). O Hemopel estará no Mercado cadastrando pessoas interessadas em se tornarem doadoras de Medula Óssea.

 


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados