Iniciativa

Presente de Natal adiantado

Projeto Antônia realizou a entrega de enxovais para famílias de recém-nascidos e bebês que estão por chegar no Hospital-Escola da UFPel

12 de Dezembro de 2019 - 20h53 Corrigir A + A -
Sirley teve alegria em dose dupla: deu à luz duas meninas no início da semana (Foto: Jô Folha - DP)

Sirley teve alegria em dose dupla: deu à luz duas meninas no início da semana (Foto: Jô Folha - DP)

Equipe costuma entregar os enxovais quatro vezes por ano (Foto: Jô Folha - DP)

Equipe costuma entregar os enxovais quatro vezes por ano (Foto: Jô Folha - DP)

Mamãe Noel esteve presente durante a ação nesta quinta-feira (Foto: Jô Folha - DP)

Mamãe Noel esteve presente durante a ação nesta quinta-feira (Foto: Jô Folha - DP)

Uma tarde especial para as mães do Centro Obstétrico do Hospital-Escola da Universidade Federal de Pelotas (UFPel). O projeto Antônia realizou a entrega de 33 enxovais, como um presente de Natal para as mães que já tiveram seus filhos e para as crianças que estão por chegar. A entrega ocorreu na tarde desta quinta-feira (12) e contou inclusive com a presença da Mamãe Noel.

O projeto Antônia confecciona e distribui enxovais quatro vezes por ano. Também recebe doações através de parcerias e de contribuições espontâneas. Um dos parceiros é o projeto Bouquet de Amor, que arrecada novelos de lã. Para a ação de Natal, um número maior de enxovais foi estipulado, como uma maneira de presentear as famílias. "Queremos deixar esse presente de Natal para essas mães. Para nós é uma alegria muito grande dar esse presente a elas. É feito de coração", conta a coordenadora do projeto, Rosa Laorghe.

Sirley Almeida, mãe de três filhos, deu à luz mais duas meninas na última segunda-feira. A mãe das gêmeas Jasmyne e Yandra agradeceu bastante o presente proporcionado pelo projeto. "Eu fiquei muito feliz. Minhas filhas estão com quatro dias de vida, o parto foi tranquilo. Ainda assim, nem tudo a gente consegue comprar. Veio em boa hora e eu só tenho a agradecer. Não tenho palavras para descrever minha felicidade em ter recebido esses presentes", afirmou Sirley. No enxoval, estavam incluídas uma cama simples para bebê, fraldas, sacolas para carregar os pertences após a saída do hospital e outros itens necessários para os recém-nascidos.

Gratidão mútua

Quem doa também tem muito a celebrar. As colaboradoras do projeto sentem-se muito gratas pela oportunidade e felizes com as ações. A colaboradora Carmen Vera Lacerda trabalha há sete anos no projeto. Começou a participar através de um convite de Rosa. "É uma gratidão imensa de fazer parte do projeto e ter recebido o convite. A gente agradece a oportunidade de fazer o bem. Nós colocamos muito amor e carinho nessa ideia", destacou Carmen Vera.

Há seis anos no projeto, outra colaboradora também se sente muito feliz de fazer parte do grupo. A colaboradora Carmen Maria Rosa confecciona ursinhos e bonecas que são entregues para as crianças. "Eu faço com muito amor esses presentes. É feito de coração, sei que vai para crianças. Eu gosto muito dessa parte e me faz muito feliz poder colaborar", afirmou Carmen Maria.

 


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados