Destaque

Pesquisadora é eleita à Academia de Farmácia

Márcia Foster Mesko, da UFPel, irá ocupar a Cadeira 46 da Seção de Ciências Físicas e Químicas

21 de Outubro de 2020 - 22h27 Corrigir A + A -
Posse será em novembro, em cerimônia virtual (Foto: Divulgação - DP)

Posse será em novembro, em cerimônia virtual (Foto: Divulgação - DP)

A coordenadora adjunta do Programa de Pós-Graduação em Bioquímica e Bioprospecção da Universidade Federal de Pelotas (PPGBBio/UFPel), professora Márcia Foster Mesko, foi eleita como membro titular da Academia de Ciências Farmacêuticas do Brasil/Academia Nacional de Farmácia. A docente ocupará a Cadeira de número 46 da Seção de Ciências Físicas e Químicas, que tem como patrono Deusdedit Batista da Costa. Os antecessores desta cadeira foram Antonio Joaquim Damásio (fundador) e Celso Figueiredo Bittencourt (acadêmico emérito). A pesquisadora será empossada em cerimônia virtual no mês de novembro 2020 e a solenidade presencial ocorrerá em 2021, em momento oportuno.

Márcia foi indicada para a Academia de Ciências Farmacêuticas do Brasil/Academia Nacional de Farmácia em virtude da sua forte atuação na interface entre a área de Química e Farmácia. Dentre as atividades da docente, destaca-se a atuação como química da Farmacopeia Brasileira por mais de quatro anos e como pesquisadora do Inmetro/RJ, atuando no desenvolvimento dos primeiros materiais de referência certificados de diclofenaco sódico e captopril no Brasil.

Na UFPel, fez parte do núcleo proponente do Curso de Bacharelado em Farmácia, do qual foi coordenadora por mais de três anos. Além disso, a professora é pesquisadora em temas relacionados ao controle de contaminantes em insumos farmacêuticos, medicamentos, cosméticos e alimentos. A interdisciplinaridade sempre esteve presente em seus objetivos profissionais, e a professora recebeu diversos prêmios nacionais e internacionais por sua atuação na área de Química e suas interfaces.

No início de 2020, a docente foi empossada como Membro Afiliada da Academia Brasileira de Ciências, sendo reconhecida por duas academias científicas de grande respeitabilidade no mesmo ano, o que o PPGBBio considera uma grande distinção. A professora Márcia é bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq (Pq 1D) e coordena, desde seu ingresso na UFPel, o Laboratório de Controle de Contaminantes em Biomateriais.

Pelotas em destaque

Com a sua eleição, Pelotas passa a se destacar em representatividade na Academia, já que o professor William Peres, do Centro de Ciências Químicas, Farmacêuticas e de Alimentos da UFPel (CCQFA), também irá ingressar no quadro de membros titulares, para ocupar a Cadeira de número 73 da Seção Ciências Naturais (que tem como patrono Mário Taveira), enquanto o professor e empresário José Gilberto de Moura já ocupa a Cadeira de número 84.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados