Educação

Pelotas suspende atendimentos presenciais para matrículas escolares

Medida vale a partir desta segunda-feira e permanecerá durante a vigência da bandeira preta no estado

08 de Março de 2021 - 19h23 Corrigir A + A -

Por: Redação
web@diariopopular.com.br

Serão atendidos apenas casos excepcionais (Foto: Divulgação - DP)

Serão atendidos apenas casos excepcionais (Foto: Divulgação - DP)

A prefeitura de Pelotas informa que, diante do agravamento da pandemia de coronavírus e do aumento do número de pessoas infectadas pela Covid-19, estão suspensos os atendimentos presenciais nas escolas e na Central de Matrículas. Serão atendidos apenas casos excepcionais. De acordo com a Secretaria Municipal de Educação de Desporto (Smed), a medida, que visa garantir a segurança a todos, é válida a partir desta segunda-feira (8) e permanecerá durante a vigência da bandeira preta no Modelo de Distanciamento Controlado do Governo do Estado.

Para informações, o público pode entrar em contato pelos meios abaixo:

- Smed – telefone (53) 3284-2600

- Diretoria de Administração Escolar - e-mail smedpelotas.admescolar@gmail.com

- Central de Matrículas – telefone (53) 3225-0492 ou e-mail central-pelotas@seduc.rs.gov.br

Documentos

As solicitações de documentos, como atestados de escolaridade e histórico escolar, deverão ser encaminhadas pelo e-mail ou telefone da respectiva escola. 

Matrículas

Diante da nova realidade de agravamento da Covid no Estado, a Smed decidiu estender o prazo para entrega dos documentos dos alunos matriculados até 22 de março, podendo ser encaminhados de forma digital, por e-mail, para a escola determinada. Outras informações devem ser solicitadas pelo telefone da escola. A ação visa evitar aglomerações e assegurar a vaga do estudante na instituição de ensino a que foi designado. 

Designações

Nos casos de alunos que não tenham sido designados a nenhuma escola, os pais ou responsáveis devem enviar todas as informações para sua inscrição ao e-mail centralpelotas@seduc.rs.gov.br . A Smed irá analisar cada caso.  


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados