Pandemia

Pelotas registra cerca de 2,8 mil testes para o novo coronavírus

De acordo com a Vigilância Epidemiológica da SMS, mil exames foram feitos por laboratórios credenciados ao Ministério da Saúde

23 de Maio de 2020 - 16h40 Corrigir A + A -
O levantamento inclui testes rápidos e exames PCR feitos desde março, quando surgiram os primeiros registros da doença. (Foto: Carlos Queiroz - DP)

O levantamento inclui testes rápidos e exames PCR feitos desde março, quando surgiram os primeiros registros da doença. (Foto: Carlos Queiroz - DP)

Ao completar 58 casos positivos para o novo coronavírus, Pelotas alcança a testagem de cerca de 2,8 mil moradores. O levantamento, atestado pela Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Saúde (SMS), inclui testes rápidos e exames PCR feitos desde março, quando surgiram os primeiros registros da doença, a Covid-19, na cidade.

Segundo a chefe da Vigilância Epidemiológica, Carmem Viegas, do total de testes realizados no município, aproximadamente mil. realizaram-se a partir de material coletado e analisado por laboratórios credenciados ao Ministério da Saúde. O trabalho do Laboratório Central do Estado (Lacen) respondeu por 300 exames de pessoas residentes no município. "Importante destacar que esses números são acumulativos desde março", informa Carmem.

Análises da UFPel
Além dos notificados ao e-Sus, sistema de informações do Ministério da Saúde, há os testes rápidos efetuados por intermédio da pesquisa desenvolvida pela UFPel, com a proposta de mapear a progressão da pandemia no terrítório gaúcho. Nas três etapas executadas, até agora, análises de 1,5 mil habitantes de Pelotas foram concluídas: deste contingente, três moradores receberam confirmação para infecção pelo Sars-CoV-2.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados