Capacitação

Oportunidades à quem precisa

Banco Madre Tereza de Calcutá realiza até essa quinta-feira (12), curso gratuito para formação de garçons

12 de Setembro de 2019 - 08h10 Corrigir A + A -
Durante o treinamento são ensinadas técnicas para servir e compor uma mesa, abrir garrafas e segurar bandejas e pesos (Foto: Jô Folha - DP)

Durante o treinamento são ensinadas técnicas para servir e compor uma mesa, abrir garrafas e segurar bandejas e pesos (Foto: Jô Folha - DP)

Muita concentração e os olhares atentos para cada detalhe. Assim estava a turma de mais de 20 alunos do Curso para Garçom e Garçonete, oferecido pelo Banco de Empregos do Banco Madre Tereza de Calcutá. O treinamento intensivo iniciou na segunda-feira e termina nesta quinta-feira (12), com direito a emissão de certificados aos participantes e fala de pessoas que já passaram pelo processo de capacitação.

De forma gratuita, a capacitação tem como objetivo a inserção de pessoas desempregadas no mercado de trabalho. A entidade lançou o Banco de Empregos em 2008, um dos braços do Banco Madre Tereza de Calcutá. Um dos participantes, Wendel Valadão, 21, busca no curso uma oportunidade para ingressar no mercado de trabalho. Ainda sem experiências profissionais, ele acredita que a iniciativa é um bom começo para o ingresso. "É uma experiência nova para quem quer ter oportunidades", salientou.

De acordo com as coordenadoras da iniciativa, Soeli Franco e Fátima Fonseca, a oportunidade se estende também para as pessoas que trabalham em outros setores, mas desejam abrir o leque de oportunidades. "Muitos querem trabalhar na noite ou nos finais de semana, por exemplo", lembra Soeli, coordenadora do Banco de Empregos. A Tamires Vasconcelos, 25, por exemplo, está desempregada e possui experiência em outros ramos, como o de hotelaria. Para ela, a capacitação na área de atendimento ao cliente agrega no currículo profissional.

Durante o treinamento são ensinadas técnicas para servir e compor uma mesa, abrir garrafas e segurar bandejas e pesos. Além disso, o cuidado com os clientes entra em pauta. Tamires acredita que isso faz com que os participantes aprendam a lidar consigo mesmos. "Nós acabamos nos colocando no lugar de quem vamos atender", explica. Há cinco meses, retornou a Pelotas após um período em Joinville, Santa Catarina. Ela ainda não conseguiu a recolocação profissional no mercado de trabalho da cidade, o que impulsionou a busca pelo curso.

A oportunidade não tem custos aos interessados, 26 participantes encerram o período de aprendizados nessa quinta-feira. Em breve, poderão concorrer as vagas de emprego na área. Quem ensina os participantes é o casal Suelen Malicheski e Gabriel Gabo, que já ministraram o curso em outras edições e possuem experiência no ramo.

São várias as pessoas beneficiadas com o Banco de Empregos. Ao longo do ano, diversos cursos são ofertados. Nesse ano, outras turmas foram formadas, desta vez no curso de preparação de salgados folhados e no Intensivo de Domésticas.

 Empregos em baixa

Conforme dados divulgados no final de agosto pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), Pelotas perdeu 1.173 vagas de empregos formais entre janeiro e julho de 2019. Julho foi um mês negativo para Pelotas e para o Rio Grande do Sul. Se na cidade o mês encerrou com -27 vagas, no Estado foram -3.648. No Brasil, o saldo terminou positivo em 43.820 vagas - um aumento de 0,11%.

Naquele nmesmo período, o IBGE lançou dados sobre a situação do emprego no país. A taxa de desocupação no segundo trimestre de 2019 foi de 12%, uma redução de 0,7% em relação ao primeiro semestre. O Rio Grande do Sul é o terceiro Estado com a menor taxa de desocupados, estimada em 8,2%.

Outro dado que chama a atenção é o número desempregados no país. Pelos dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio - Contínua (Pnad Contínua), são 12,8 milhões de pessoas. Aqueles classificados como desalentados - os que já desistiram de buscar uma vaga no mercado de trabalho - também segue em 4,9 milhões de pessoas em todo o país.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados