Fiscalização

Operação Saúde Para Todos chega à 10ª edição

Além da blitz educativa de domingo, serão realizadas operações integradas à noite no fim de semana

31 de Julho de 2020 - 16h49 Corrigir A + A -
Blitz tem o objetivo de orientar à prevenção contra o coronavírus (Foto: Rodrigo Chagas - Ascom)

Blitz tem o objetivo de orientar à prevenção contra o coronavírus (Foto: Rodrigo Chagas - Ascom)

A Operação Saúde para Todos, criada com a finalidade educativa de prevenção à propagação do coronavírus, com participação das forças de segurança locais e de voluntários da Defesa Civil e da Saúde, chegará, neste domingo (2), à 10ª edição. As ações são postas em prática em blitz de trânsito, na avenida Adolfo Fetter, com abordagem de veículos, aferição de temperatura dos ocupantes, distribuição de informativos sobre a Covid-19, de máscaras e muito diálogo sobre a obrigatoriedade do uso da peça de prevenção, sobre higiene e, principalmente, sobre a importância e necessidade de serem evitadas aglomerações.

Às 13h do domingo, na sede do 4º Batalhão de Polícia Militar (4º BPM), à avenida Bento Gonçalves, reúnem-se a Secretaria de Segurança Pública/Guarda Municipal, Brigada Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Secretaria de Transporte e Trânsito e os voluntários para saída, em comboio, à avenida Adolfo Fetter. “O domingo deverá ser de tempo firme, temperatura agradável, e, em dias assim, aumenta o fluxo de pessoas que se dirige ao Laranjal, para descanso ou lazer. A elas, é direcionado o trabalho de conscientização sobre o distanciamento social, como meio de controle à disseminação da doença”, comenta o secretário de Segurança Pública, Samuel Ongaratto.

Operações Integradas

As blitzes da Operação Saúde para Todos não têm outra prioridade senão o caráter educativo da prevenção. O comandante do 4º BPM, tenente-coronel Márcio André Facin, informa que, simultaneamente à blitz na avenida Adolfo Fetter, patrulhas com policiais militares e civis, Guarda Municipal e agentes de Trânsito atuam em diversas áreas da cidade, onde há tendência à concentração de pessoas e maior movimento, também para orientar a população.

À noite, no fim de semana, estão previstas as Operações Integradas voltadas ao atendimento de denúncias quanto a aglomerações, festas clandestinas, ocorrências de perturbação do sossego e repressão de rachas de veículos. A população pode denunciar as infrações pelos telefones 153, 190 ou 3227.7171.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados