Solidariedade

Jovem Atleta lança campanha Natal Solidário

Objetivo da iniciativa é doar alimentos e brinquedos para 400 famílias cadastradas

26 de Novembro de 2020 - 11h15 Corrigir A + A -
Projeto teve as atividades esportivas suspensas por conta da pandemia, mas seguiu atuante na solidariedade (Foto: Jô Folha - DP)

Projeto teve as atividades esportivas suspensas por conta da pandemia, mas seguiu atuante na solidariedade (Foto: Jô Folha - DP)

As atividades esportivas do Jovem Atleta, do Getúlio Vargas, estão suspensas por conta do coronavírus. Mas como, talvez até mais que formar jogadores, o objetivo do projeto é construir cidadania, 2020 foi um ano de treinar a solidariedade. Ao fim do ano está lançada a campanha Natal Solidário, para doar alimentos e brinquedos para 400 famílias pelotenses cadastradas.

O Jovem Atleta teve início em 2008 nos campinhos de grama das ruas, sob o nome de Atleta do Futuro. Em 2009, entendendo o esporte como mecanismo de educação, a Escola Municipal de Ensino Fundamental Mario Meneghetti abraçou o projeto e o levou para dentro da instituição. Desde então, mais de 1.200 crianças já passaram pelo projeto. Entre eles, o volante Silas. Cria da base do Internacional, ele hoje joga no Zorya, da Ucrânia. Antes da pandemia, eram 80 crianças treinando entre o sub-13, o sub-15 e a versão na Sanga Funda.

No início do ano, conta o coordenador do projeto, Carlos Oliveira, o planejamento era para participar de três campeonatos: a Copa São Paulo, em Ourinhos (SP), a Copa Saraiva, no Paraná, e a Taça Mercosul, no Chile - esta última, fruto do título da Taça Internacional São Carlos, no Uruguai. “Foi tudo por água abaixo, mas temos a esperança de que no próximo ano tudo volte ao normal e conseguiremos realizar esses sonhos”, comenta. 

Futebol impossibilitado, o Jovem Atleta deu mais espaço para aquela que é a principal justificativa de existência do projeto: a responsabilidade social. Desde o início da pandemia, com auxílio da Corrente Beija-Flor, 400 famílias têm sido auxiliadas com cestas básicas, roupas, calçados, materiais de higiene. Além disso, de 15 em 15 dias é distribuído um sopão solidário e as mães gestantes recebem a doação do primeiro enxoval, em parceria com a assistente social Silvia Goia. 

A campanha de natal é uma sequência dessas ações. Como se trata de um projeto que envolve crianças, nada mais correto do que incentivar a doação de alimentos e principalmente brinquedos no final do ano. “O Natal para nós sempre foi um momento especial, de confraternização e solidariedade. Não queremos que seja diferente esse ano”, argumenta Oliveira.  

O objetivo é alcançar as 400 famílias hoje cadastradas e, para tal, é necessário que toda a comunidade se engaje na proposta. Empresas e mesmo qualquer cidadão podem contribuir financeiramente ou com os próprios itens que serão doados. Os interessados podem entregar ou combinar o recolhimento das doações através do telefone (53) 991920441. As contribuições podem ser feitas até 22 de dezembro.

Faça a sua doação 

Banco do Brasil 
Agência: 2942-4
Conta Corrente: 61.476-9

Caixa Econômica Federal
Agencia: 2842
Operação: 013
Conta Corrente: 13853-9 (Carlos Alberto Teixeira de Oliveira – CPF: 021.125.510-60 

Pix: jovematleta2014@gmail.com

 


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados