Alerta

Isso é Fake: Aviso de liberação do FGTS pelo WhatsApp é falso

O Laboratório especializado em segurança digital da PSafe, em apenas dois dias, mais de 100 mil pessoas foram atingidas

10 de Setembro de 2019 - 18h01 Corrigir A + A -

Diferentemente do que vem circulando no aplicativo de mensagem WhatsApp, e-mail e por SMS, a Caixa não informa links paara a liberação dos R$ 500,00 de contas ativas e inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Isso é Fake. De acordo com laboratório especializado em segurança digital da PSafe, em apenas dois dias, mais de 100 mil pessoas foram atingidas pelo golpe do FGTS no aplicativo de mensagens.

Além do WhatsApp, o golpe também tem circulado por e-mail e SMS. Com perguntas como: "Deseja sacar todo seu FGTS?" ou "Você sacou algum valor do FGTS nos últimos três meses?". Independentemente da resposta, o usuário é encaminhado para uma nova página, que o induz a compartilhar o link com mais dez amigos do aplicativo, para liberar o suposto saque. Segundo a PSafe, por hora são registrados, pelo menos, 2.083 novos acessos ao link da fraude. Esse golpe é conhecido como phishing.

Em outro golpe, identificado pela ESET, são divulgadas informações falsas sobre um pagamento retroativo de R$ 1.760,00 do FGTS. Segundo a fabricante de antivírus, foram registrados mais de 135 mil cliques no link, que leva o usuário a se inscrever em serviços pagos sem saber. A vítima é induzida a informar seus dados pessoais. E a compartilhar o link com cinco amigos no WhatsApp, para poder ter acesso à lista de confirmação e ao recebimento do benefício. Os golpistas chegam ao ponto, inclusive, de mostrar depoimentos falsos de Facebook, sobre saques bem-sucedidos do FGTS.

Caixa se pronuncia
A Caixa já se manifestou sobre o assunto, informando que não envia links. E também não pede confirmação de dados ou acesso à conta por e-mail, WhatsApp ou SMS. De acordo com o banco, o meio mais claro e seguro para se informar sobre o assunto é o aplicativo FGTS ou o site oficial do banco.

Sugestões
Quem tiver dúvidas a respeito de uma informação recebida pode enviar sua sugestão para ser conferida pela equipe do jornal Diário Popular. No meio digital, podem entrar em contato pelo Facebook, Twitter ou Instagram do DP. Além do número de WhatsApp, (53) 98403-8618.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados