Eeducação

IFSul abre 525 vagas para curso de formação em EJA

A qualificação é voltada a servidores do IFSul e das redes particular, municipal e estadual

04 de Dezembro de 2020 - 10h54 Corrigir A + A -
Prazo. Os interessados têm até o dia 17 de dezembro 
para fazer a inscrição. (Foto: Divulgação - DP)

Prazo. Os interessados têm até o dia 17 de dezembro para fazer a inscrição. (Foto: Divulgação - DP)

Estão abertas, até o dia 17 de dezembro, as inscrições para o curso de Formação Inicial e Continuada (FIC) em Educação para Jovens e Adultos (EJA). São 525 vagas ofertadas e podem participar servidores do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-rio-grandense (IFSul), e das redes particular, municipal e estadual de ensino dos municípios que possuem campi do Instituto.

O curso a distância é gratuito e possui uma carga horária de 280 horas. Ao final do curso, os participantes receberão um certificado de Aperfeiçoamento em Estudos e Práticas Reflexivas na Docência da Educação de Jovens e Adultos, emitido pelo IFSUL e pela Fundação Ênio de Jesus Pinheiro Amaral de Apoio ao IFSul (Faifsul). Dúvidas e mais informações devem ser encaminhadas para o e-mail eja.ifsul@gmail.com.

O edital com todos os detalhes sobre as vagas está disponível em ifsul.edu.br/component/k2/itemlist/category/79-fundacao.

Continuidade em 2021

Segundo o pró-reitor de Ensino do IFSul, Rodrigo Nascimento, a ação faz parte do programa de oferecimento dos cursos EJA na instituição que inicia neste momento com a proposta de EJA-FIC, cujos cursos ocorreriam em 2020, mas que devido à pandemia da Covid-19 serão realizados em 2021.

O dirigente salienta que dez campi do Instituto estarão elaborando os processos pedagógicos para a implantação de 23 cursos no segundo semestre do ano que vem, direcionados para estudantes que estejam cursando o Ensino Fundamental na modalidade EJA da rede municipal.

“A proposta é oferecer a esses estudantes a possibilidade de receberem qualificação profissional pelo IFSul, através dos cursos de Formação Inicial e Continuada. Serão em média de 50 vagas por curso com uma expectativa de recebermos mais de mil alunos provenientes da EJA da rede municipal de ensino”, explica o dirigente.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados