Rural

Embrapa Clima Temperado lança cursos sobre biosseguridade na produção de leite e sobre poda do pessegueiro e nectarineira

A carga horária total é de 20 horas, para realização de 13 de dezembro de 2021 a 11 de março de 2022, com investimento de 30 reais por participante

25 de Novembro de 2021 - 18h46 Corrigir A + A -
Curso aborda diferentes tipos de poda no pessegueiro - (Foto: Newton Alex Mayer)

Curso aborda diferentes tipos de poda no pessegueiro - (Foto: Newton Alex Mayer)

A Embrapa Clima Temperado em Pelotas lançou dois cursos pela vitrine de capacitações on-line da Embrapa (E-Campo): “Práticas de Biosseguridade na Bovinocultura Leiteira” e “Poda do Pessegueiro e Nectarineira”. No formato autoinstrucional e assíncrono, ambos são direcionados a produtores, agentes de assistência técnica e extensão rural e estudantes. As inscrições podem ser feitas até 6 de dezembro, para o curso de biosseguridade, e até 31 de dezembro, para o de poda, em www.embrapa.br/e-campo

Em sete módulos, com tutoria, o curso “Práticas de biosseguridade na bovinocultura leiteira” capacita os participantes para identificar fatores de risco no sistema de produção e, assim, adotar as medidas de biosseguridade necessárias para garantir a saúde animal e a integridade do leite e derivados. A carga horária total é de 20 horas, para realização de 13 de dezembro de 2021 a 11 de março de 2022, com investimento de 30 reais por participante.

Já o curso “Poda do pessegueiro e nectarineira” ensina, em três módulos, os fundamentos, objetivos e épocas dos diferentes tipos de poda em pomares domésticos e comerciais, bem como algumas práticas associadas para manejo das áreas. O curso tem carga horária de 16h, para realização entre 8 de novembro de 2021 e 31 de janeiro de 2022, sendo totalmente gratuito. 

Pós-colheita de frutas e hortaliças

Além dos cursos elaborados pela Embrapa Clima Temperado, o pesquisador Rufino Cantillano, da Unidade, participa como instrutor da sétima edição do curso “Tecnologia de pós-colheita em frutas e hortaliças”, promovido pela Embrapa Instrumentação (São Carlos, SP). As inscrições estão abertas, gratuitamente, desde 18 de novembro. 

O objetivo é a incorporação de tecnologias para melhoria dos processos, incremento na eficiência do sistema e redução de perdas na cadeia produtiva. São seis módulos e carga horária de 60 horas, mas é possível, também, obter certificação por módulo. Saiba mais aqui: https://poscolheita.cnpdia.embrapa.br/ 

 


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados