Novidade

DP lança projeto Nosso Bairro

Iniciativa tem como objetivo inserir cada vez mais as comunidades de Pelotas, com suas demandas e potencialidades, nas páginas do Jornal

14 de Maio de 2022 - 08h30 Corrigir A + A -

Por Victoria Fonseca
web@diariopopular.com.br

Laranjal foi a região escolhida para a abertura do projeto (Foto: QZ7 Filmes)

Laranjal foi a região escolhida para a abertura do projeto (Foto: QZ7 Filmes)

Na próxima semana, será lançado pelo Diário Popular um projeto que irá aproximar o Jornal das comunidades dos bairros de Pelotas. Denominada "Nosso Bairro", a iniciativa, que terá representantes nas cinco regiões da cidade (Três Vendas, Laranjal, Fragata, Areal e São Gonçalo), foi escolhida pela Associação Nacional de Jornais (ANJ) e pelo Facebook como ideia de cobertura jornalística local para receber mentorias.

O "Nosso Bairro" foi selecionado em um concurso lançado para todos os jornais do Brasil. O objetivo era o de selecionar e auxiliar projetos jornalísticos que tivessem o papel de cobertura hiperlocal, com a característica de proximidade com as audiências das comunidades. De acordo com diretor executivo do Diário Popular, Régis Nogueira, o projeto surgiu para contemplar a necessidade de realizar uma cobertura com a qual os bairros pudessem se enxergar nas páginas e nas plataformas digitais do DP, voltada a ter relevância no cotidiano dos moradores dessas localidades.

Os bairros serão abrangidos pela cobertura de todas as editorias. Além de levar as demandas de cada local ao Poder Público, como questões de infraestrutura e segurança, o Diário Popular também quer noticiar as boas iniciativas, os potenciais e as particularidades de cada bairro. "Queremos que o Jornal de fato faça parte da vida das pessoas. Até pelo tamanho de Pelotas, muitas vezes a população desconhece a realidade e as características de bairros distantes do seu. Vamos retratar isso em diversos segmentos, fazer com que as comunidades tenham uma ferramenta de divulgação", explica Nogueira.

Como funcionará

Já que ninguém sabe melhor a realidade de cada local do que os próprios moradores, o DP vai contar com o auxílio de pessoas dispostas a participar, os chamados influenciadores, além de associações de bairros para repassar sugestões de pautas que são consideradas por eles importantes de serem abordadas. Será criado um grupo para cada bairro com os participantes do projeto para fomentar o vínculo e manter contato diário com essas pessoas, de forma que elas possam encaminhar suas demandas.

Segundo o coordenador editorial do "Nosso Bairro", Lucas Kurz, a proximidade com os moradores também se dará por meio de reuniões e instruções presenciais. "Faremos reuniões presenciais com eles, rodas de conversas para fortalecer essa aproximação e mentorias para passar noções de pautas - além de palestras com os jornalistas da Redação e com outros jornalistas locais", declara.

Divulgação

O projeto será realizado em multiplataformas, no impresso, no site e nas redes sociais. Em breve será lançado também o novo site do DP. Nele o projeto terá uma sessão própria, denominada "Bairros". Dentro dela, os locais estarão separados para que os leitores possam acessar e encontrar as principais notícias da sua região.

Diariamente haverá publicações sobre os bairros nas plataformas digitais do Diário Popular e semanalmente no jornal impresso. "Queremos que cada bairro tenha a sua estrutura dentro do Jornal e que haja um vasto conteúdo de cada local", afirma o diretor executivo.

Outra iniciativa dentro do "Nosso Bairro" visará oportunizar aos comércios e pequenos negócios locais anunciar no Jornal por um preço mais acessível.

"Pretendemos também proporcionar para os negócios locais que não possuem no seu orçamento uma verba para a publicidade, espaços específicos de baixo custo para que eles consigam ter uma interação com a nossa audiência e obter resultados. Isso para fazer um link de consumidores das comunidades com as empresas locais", conta Nogueira.

"Nosso Bairro"

O primeiro bairro a ser abrangido pelo projeto será o Laranjal. O local foi escolhido por ter a característica de ser um bairro turístico, frequentado por pessoas de várias regiões da cidade. "Além disso, tem a população que vive por lá fora do período de veraneio, que tem demandas históricas. Ao longo da próxima semana, nossa equipe estará circulando pelas ruas do Laranjal, conversando com moradores e fazendo contatos para criar nossa rede de influenciadores", informa Kurz.

A repórter Cíntia Piegas é moradora do bairro e será uma das jornalistas que fará parte da primeira cobertura do projeto. Ela explica que são muitas as questões importantes que podem ser retratadas. "O Laranjal tem muito a mostrar e a reivindicar. Com a pandemia e os novos condomínios, muitos passaram a morar no bairro, que tem demandas antigas, como segurança, infraestrutura e abastecimento de água. Por ser praia, ganha mais atenção na temporada de veraneio, mas para quem vive e depende do comércio local, essa questão precisa ser revista. Além disso, vai ser uma deliciosa viagem pelas diversidades do povo pelotense", afirma.

Se você conhece uma demanda, uma peculiaridade ou uma iniciativa interessante do seu bairro e acha que ela pode ser compartilhada com o restante da população nas páginas do Diário Popular, mande sua sugestão pauta para os e-mails nossobairro@diariopopular.com.br e lucas.kurz@diariopopular.com.br.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados