Reconhecimento

Destaques do setor orizícola recebem homenagens

Entrega do prêmio Pá do Arroz, que integra a 30ª Abertura Oficial da Colheita do Arroz, ocorreu na noite desta quinta-feira

13 de Fevereiro de 2020 - 22h22 Corrigir A + A -
Prêmio: distinção reconhece produtores e profissionais que contribuem com o segmento (Foto: Fagner Almeida)

Prêmio: distinção reconhece produtores e profissionais que contribuem com o segmento (Foto: Fagner Almeida)

A programação da 30ª Abertura Oficial da Colheita do Arroz, teve continuidade durante a quinta-feira. Nos dois primeiros dias, mais de 4,5 mil pessoas já haviam passado pela Estação Experimental Terras Baixas (ETB) da Embrapa Clima Temperado no Capão do Leão, onde o evento está sendo realizado. Um dos pontos altos do segundo dia de programação foi a entrega do prêmio Pá do Arroz, que há mais de 20 anos promove uma homenagem a técnicos, produtores e agrônomos que se destacam e contribuem para o desenvolvimento do setor orizícola. Para a tarde desta sexta-feira, terceiro e último dia do evento, está marcada o tradicional ato de abertura oficial da colheita.

“Está sendo um sucesso, a expectativa é de superar o número do ano passado, de sete mil visitantes”, projeta o presidente da Federação das Associações de Arrozeiros do Rio Grande do Sul (Federarroz), Alexandre Velho. Para ele, o evento, que neste ano tem como tema “Intensificação para sustentabilidade” é uma oportunidade para trocas de experiências e oportunidades entre os membros do setor. Durante a noite desta quinta-feira (13), um dos destaques da programação foi a entrega do prêmio Pá do Arroz. “É um reconhecimento às pessoas que fazem a diferença”, contou o presidente, destacando o simbolismo e a tradição da homenagem. Ele explica que a escolha dos nomes é feita a partir da indicação de associações de produtores e entidades, como o Instituto Riograndense do Arroz (Irga) e a Embrapa, e passam por aprovação da diretoria executiva da Federarroz. “Os homenageados guardam o troféu com muito carinho, ficam emocionados quando recebem”, destaca Velho. Entre os escolhidos, lembra, estão produtores que promovem gestões eficientes em propriedades e técnicos que buscam levar modernização ao campo.

Homenagens a produtores

Um dos homenageados da noite foi o produtor Fernando Rechsteiner, a quem Velho destaca como diferenciado e eficiente na atividade. “É um incentivo muito grande para continuarmos com as nossas atividades”, destaca Rechsteiner. Ele afirma que faz parte da quinta geração de sua família trabalhando na cultura arrozeira, que teve início ainda com Coronel Pedro Osório, charqueador que, com o produto em declínio, foi o primeiro a implantar uma lavoura de arroz com viés comercial em Pelotas, após retornar de uma viagem à Itália. “Já nasci no meio de uma lavoura”, conta o produtor, de 47 anos. Para ele, que também é presidente do Sindicato Rural de Pelotas, o prêmio possui grande valor pelo fato de o pai, Luiz Osório Rechsteiner Filho, também ter recebido a mesma homenagem há dois anos. “É uma satisfação muito grande”, resume. O homenageado também destaca a atuação que desenvolve em entidades de classe do setor, que afirma serem importantes para a manutenção e o desenvolvimento das atividades orizícolas, contribuindo, por exemplo, para o enfrentamento dos desafios.

Em relação ao homenageado como Lavoura Nota 10, o produtor Gustavo Ayub Lara, o presidente da Federarroz o define como referência na atividade produtiva, atuando com resistência e resiliência, com destaques para atividades como a rotação com soja e pecuária em sua propriedade. “Ele busca incansavelmente melhorar o negócio”, destaca o presidente.

Último dia do evento

A programação desta sexta-feira, terceiro e último dia de evento, começará a partir das 7h30min, com uma visita às vitrines tecnológicas e um roteiro técnico pelas lavouras. Ainda pela manhã, das 8h às 12h , ocorrerão dinâmicas de equipamentos. Também às 8h, terá início a realização de uma feira, que funcionará até as 17h. Para às 14h, está agendada a principal atividade do evento, o ato da Abertura Oficial da Colheita do Arroz, que tem presença confirmada do governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), dos senadores Luiz Carlos Heinze (PP) e Lasier Martins (Podemos), do secretário estadual de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural, Covatti Filho e demais autoridades civis e do meio rural. O evento é realizado pela Federarroz, com correalização da Embrapa e patrocínio do Irga.

Homenageados Prêmio 

Pá de Arroz
Lavoura Nota 10: Gustavo Ayub Lara
Produtor Zona Sul: Ricardo Teixeira Gonçalves da Silva
Produtor Planície Costeira Externa: André Azevedo Velho
Produtor Planície Costeira Interna: Celso Bartz
Produtor Fronteira Oeste: Antônio Ceolin
Produtor Campanha: Elcio José Moro
Produtor Depressão Central: Daniel Hoerbe
Técnica Estadual: Mara Grohs
Técnico Federal: André Andres
Mercado Externo: Gedeão Pereira
Competitividade: Fernando Estima
Amigo da Lavoura: Brigada Militar
Homenagem Especial: Fernando Schwanke
Homenagem Especial: Fernando Rechsteiner
Homenagem Especial: José Carlos Pires


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados