Pandemia

Comércio e serviços não essenciais em Pelotas voltam a parar na terça-feira

Prefeita Paula Mascarenhas decidiu não recorrer da bandeira vermelha, determinada pelo governo Estadual na última quinta

05 de Julho de 2020 - 12h11 Corrigir A + A -

A prefeita de Pelotas, Paula Mascarenhas (PSDB) anunciou em vídeo divulgados nas redes sociais que não irá recorrer da decisão da mudança da bandeira laranja para a vermelha, determinada na quinta-feira pelo governo do Estado, com base no avanço de casos de Covid-19. Com isso, o comércio da cidade e os serviços não essenciais param a partir dessa terça-feira (7).   

Paula levou em consideração a lotaçãos dos hospitais e o aumento no número de internações. "A decisão de hoje vai levar de 10 a 15 dias para ter efeito", disse a prefeita. Serviços como supermercados, farmácias, postos de combustíveis e restaurantes. 

Confira o vídeo: 


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados