Frio

Ciclone extratropical trará ventos de 100 km/h

Mínimas ficarão abaixo de 3°C na Zona Sul e geadas intensas estarão presentes em boa parte do Rio Grande do Sul

30 de Junho de 2020 - 12h36 Corrigir A + A -
Massa de ar frio da Argentina reduzirá as temperaturas em todo território gaúcho (Foto: Leandro Lopes - DP)

Massa de ar frio da Argentina reduzirá as temperaturas em todo território gaúcho (Foto: Leandro Lopes - DP)

A formação de um ciclone extratropical sobre o oceano Atlântico, na costa do Rio Grande do Sul, provocará rajadas de ventos muito fortes, próximas dos cem quilômetros por hora, na madrugada e na manhã desta quarta-feira (30).

Na noite desta quarta, os ventos se intensificarão no litoral da Zona Sul. Quinta-feira, durante a madrugada e ao longo do dia, rajadas intensas de vento podem ultrapassar os 100 km/h em regiões como Rio Grande, Cassino, Capilha, Santa Vitória do Palmar, Chuí e São José do Norte.

Conforme o boletim especial do Centro de Pesquisas e Previsões Meteorológicas (CPMET) da Faculdade de Meteorologia da UFPel, o mar na costa Sul deve ter ondas de três metros nesta quinta e de até quatro metros no Litoral Norte. O mar seguirá agitado até sexta-feira, com ondas próximas de 1,5 metro.

Nas áreas de Pelotas, Jaguarão, Porto Alegre, São Lourenço do Sul , Camaquã, Tramandaí e Torres as previsões de modelos numéricos indicam ventos acima de 80 km/h ou até acima de 90 km/h. Nas demais regiões rajadas serão registradas entre 60 e 80 km/h.

Nesta quarta a região deve registrar acumulados entre 40 e 60 milímetros de chuva. A partir desta quinta-feira, até domingo, uma massa de ar seco e frio mantém a estabilidade no Estado, exceto no Norte e Noroeste. Na quinta, ao final do dia, uma massa de ar frio oriunda da Argentina reduzirá as temperaturas em todo território gaúcho. As mínimas ficarão abaixo de 3°C nas regiões da Campanha, Zona Sul, Oeste e Central. Geadas intensas estarão presentes em boa parte do Rio Grande do Sul.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados