Pet

Chocolate é tóxico para cães e gatos

Substância presente no cacau pode causar intoxicações, vômitos e diarreia

15 de Abril de 2019 - 10h45 Corrigir A + A -
Afinal, além do cacau, cães e gatos também são intolerantes à lactose (Foto: Divulgação - DP)

Afinal, além do cacau, cães e gatos também são intolerantes à lactose (Foto: Divulgação - DP)

A Páscoa está chegando e com ela vem a vontade de compartilhar os presentes também com os pets. Mas cuidado: o chocolate é tóxico para cães e gatos. A substância chamada teobromina, presente no cacau, pode causar intoxicações, vômitos e diarreia. Sintomas mais graves, como tremores musculares e hemorragias, são raros, mas podem acontecer em caso de ingestão excessiva de chocolates com alta concentração de cacau.

"No lugar de chocolate, ofereça alimentos específicos. Os snacks podem ser dados como recompensa, quando os pets ficam olhando para o tutor implorando por um agrado", aconselha o médico veterinário, Marcello Machado.

Outro fato importante é que seu pet é curioso e tem um excelente olfato. Ao esconder os ovos de Páscoa, certifique-se de que seu animalzinho não os encontre antes de você. Afinal, além do cacau, cães e gatos também são intolerantes à lactose, presente no leite utilizado na fabricação do chocolate.

O médico veterinário também alerta para o consumo de açúcar, que pode trazer inúmeros problemas, principalmente obesidade e a rejeição futura de alimentos adequados para a saúde do animal. Por isso, os tutores não devem oferecer doces em barras, sejam caseiros ou industrializados.

Mas os cães podem consumir doce? Sim, mas desde que seja de uma fonte natural. "Se o tutor pretende oferecer sabores adocicados para os cães, pode optar por frutas, como mamão e maçã, e vegetais, como cenoura e batata-doce. Esses ingredientes, inclusive, já fazem parte da composição de algumas rações, que já contêm a quantidade balanceada desses ingredientes" enfatiza Machado.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados