Estatísticas

Censo 2020 começa a tomar forma em Pelotas

Mais de 119 mil domicílios deverão ser visitados por cerca de 400 profissionais contratados pelo IBGE

21 de Outubro de 2019 - 17h29 Corrigir A + A -
Reunião de planejamento e acompanhamento ocorreu na Associação Comercial (Foto: Gustavo Vara - Ascom)

Reunião de planejamento e acompanhamento ocorreu na Associação Comercial (Foto: Gustavo Vara - Ascom)

Pelotas começou os preparativos para o Censo 2020. Nesta segunda-feira (21), uma reunião de planejamento e acompanhamento foi realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), com representantes do município e entidades parceiras. O questionário será aplicado entre agosto e outubro do próximo ano.

Ao todo, 119.599 domicílios deverão ser visitados, por mais de 400 profissionais contratados por meio de processo seletivo simplificado. Os editais para as 365 vagas de recenseador, 40 de agentes censitários supervisores técnicos, quatro de agentes censitários supervisores administrativos e cinco de agentes censitários municipais serão lançados nos meses de dezembro e janeiro, no site da Fundação Getúlio Vargas.

Os dados coletados são essenciais para, entre outros objetivos, definir o valor do Fundo de Participação dos Municípios (FMP), bem como medir o nível educacional, taxa de emprego e repasses de benefícios assistenciais, lembrou a prefeita Paula Mascarenhas (PSDB).

A prefeitura será um dos apoiadores do trabalho efetuado pelo IBGE, que abrange as zonas urbana e rural de Pelotas. Pela primeira vez, comunidades quilombolas e agrupamentos indígenas integrarão o censo, realizado a cada dez anos. Além dessa parcela da população, os chamados aglomerados subnormais (ocupações), também fazem parte das residências a serem visitadas, apesar da situação irregular.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados