Covid-19

Beneficência Portuguesa tem surto de Covid

Acompanhante relata que pelo menos dez pacientes positivaram; hospital confirma sete casos

22 de Outubro de 2021 - 20h32 Corrigir A + A -

Por: Vitória Leitzke
vitoria@diariopopular.com.br

Pelo menos sete pessoas confirmaram a infecção pelo vírus e foram isoladas - (Foto: Michel Corvello)

Pelo menos sete pessoas confirmaram a infecção pelo vírus e foram isoladas - (Foto: Michel Corvello)

Mesmo com o bom resultado oriundo do avanço da vacinação, o coronavírus ainda exige cuidados e atenção. Essa semana, a Beneficência Portuguesa de Pelotas registrou um surto de Covid-19 fora da ala de isolamento, destinada ao tratamento de pacientes com a doença. Pelo menos sete pessoas confirmaram a infecção pelo vírus e foram isoladas.

Uma das pacientes positivadas é a mãe de Alice*, que internou para uma operação de retirada de pedra na vesícula e começou a apresentar febre e fraqueza, o que provocou o adiamento do procedimento. A filha afirma que começou a solicitar a testagem, entretanto, segundo ela, o médico responsável negou por dias o exame.

"Ela fez dois testes quando entrou e deram negativo. Ela começou com sintomas nove dias após dar baixa. Eu entrei em contato com o médico e pedi muito para que fizesse o teste, tomasse uma providência, porque ela estava piorando a cada dia e a gente notava essa piora. Ela não queria comer, a saturação dela foi a 78 e ele dizia que era tudo normal pela vesícula", conta.

Vendo que a mãe não estava bem, Alice* buscou outros meios para conseguir a autorização do exame para detectar a presença do vírus, confirmada com o resultado. De acordo com ela, além da mãe, outros pacientes do mesmo quarto e do quarto ao lado precisaram ser testados e cerca de dez tiveram o mesmo diagnóstico. "Eu não desconfiava [que era Covid], mas tinha que excluir a possibilidade. Quando ela fez o teste e deu positivo, me apavorei", desabafa.

O que diz o hospital e SMS

Segundo a assessoria de imprensa da Beneficência Portuguesa, sete pacientes apresentaram sintomas e foram testados, confirmando a infecção de todos. A gerência de enfermagem garante que as medidas foram adotadas corretamente. "Todos foram imediatamente isolados e estamos adotando todos os protocolos necessários", destaca.

Em nota, a Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) confirmou a identificação do surto "em uma instituição hospitalar do município, com registro de sete pacientes positivos". O órgão informa que 24 trabalhadores da unidade e outros 17 pacientes foram testados e aguardam resultado. "Nesse momento, além do plano de testagem, é necessário aumentar as medidas de controle, como o uso de EPIs, seguindo o que está previsto no plano de contingência do hospital, além de revisar e monitorar todos os protocolos do Serviço de Controle de Infecção Hospitalar", orienta a chefe da Vigilância Epidemiológica, Aline Machado da Silva.

A reportagem questionou o monitoramento e testagem dos acompanhantes que tiveram contato com os positivados, mas o hospital e a SMS não se pronunciaram.

 

* = nome fictício


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados