Pandemia

Bagé endurece medidas de controle

Duas festas realizadas no município abriram novas linhas de contágio e, pelo menos, mais dez casos de Covid-19 já foram confirmados

10 de Julho de 2020 - 20h41 Corrigir A + A -

Por: Michele Ferreira
michele@diariopopular.com.br 

Espaços públicos como as praças são fechados entre sexta e domingo, pra evitar aglomeração (Foto: Divulgação)

Espaços públicos como as praças são fechados entre sexta e domingo, pra evitar aglomeração (Foto: Divulgação)

Barreiras sanitárias,com apoio do Exército, também foram retomadas, para tentar barrar a disseminação do novo coronavírus (Foto: Paulo Batista)

Barreiras sanitárias,com apoio do Exército, também foram retomadas, para tentar barrar a disseminação do novo coronavírus (Foto: Paulo Batista)

O município de Bagé volta a intensificar medidas restritivas, para barrar a disseminação do novo coronavírus. O surgimento de outras duas linhas de contágio provocadas por festas - em que uma delas trouxe visitantes de fora da cidade - fez a prefeitura restabelecer ações e endurecer a fiscalização. Até a noite desta sexta-feira (10), pelo menos 13 casos já haviam sido confirmados em decorrência dos dois eventos. E dezenas de pessoas passam a ser monitoradas.

A circulação noturna, portanto, está, mais uma vez, proibida das 22h às 6h. Quem for flagrado nas ruas, sem justificativa relacionada a trabalho ou saúde, poderá ser multado e conduzido para casa. Tudo para evitar as aglomerações e manter a situação sob controle. Até as linhas de ônibus têm horário máximo para operar. A partir das 21h30min, o transporte coletivo fica suspenso.

"Quem provocar aglomeração vai parar na delegacia. Não vamos permitir que o ato de algumas pessoas coloque todos em risco eminente", destaca o prefeito Divaldo Lara (PTB). Em lives, nas redes sociais, e em coletiva à imprensa, o chefe do Executivo reforça o apelo para a população entender que este não é o momento de promover encontros ou festas, fazer viagens ou receber visitas de outros municípios que, eventualmente, serão de áreas com alto nível de contaminação. "Cabe a todos nós sermos responsáveis e zelosos com a nossa saúde e com a do próximo", enfatiza.

Barreiras sanitárias também são restabelecidas

Ao longo desta semana, o controle e a desinfecção dos veículos que cruzam os quatro principais acessos a Bagé também foram restabelecidos. Os condutores e passageiros passam por verificação de temperatura e, conforme relato de sintomas, também podem ser submetidos à testagem da Covid-19. Quem pertence a grupos de risco também recebe imunização contra a gripe.

Conheça as principais medidas adotadas em Bagé (*) 

- A circulação nas ruas das 22h às 6h fica restrita aos cidadãos que precisam se deslocar em razão de trabalho e saúde. Do contrário, podem ser autuados;
- O horário máximo de funcionamento das linhas de ônibus será às 21h30min;
- Restaurantes, lanchonetes e pizzarias devem encerrar as atividades ao público, às 22h. Já o serviço de telentrega pode ser realizado até a meia-noite. Detalhe: o cliente fica proibido de retirar a encomenda no local;
- Os supermercados devem funcionar até as 21h, de segunda a sábado, e, aos domingos, até as 17h;
- Fica proibido o consumo de bebidas alcoólicas em espaços públicos;
- As praças serão interditadas nas sextas-feiras e também nos sábados e domingos;
- Os cultos de qualquer natureza religiosa estão proibidos, temporariamente.

(*) Os locais que desrespeitarem as regras serão multados e podem ter o alvará cassado.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados