Série B

Saiu a primeira vitória fora de casa

Brasil mantém bom nível de atuação e bate o Botafogo por 1 a 0 em Riberão Preto

21 de Setembro de 2020 - 22h03 Corrigir A + A -

Por: Vinícius Guerreiro
vinicius.guerreiro@diariopopular.com.br

Xavante conquistou a primeira vitória fora de casa no Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (Foto: José Bazzo - BFC)

Xavante conquistou a primeira vitória fora de casa no Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (Foto: José Bazzo - BFC)

Danilo marcou o gol da vitória xavante (Foto: José Bazzo - BFC)

Danilo marcou o gol da vitória xavante (Foto: José Bazzo - BFC)

O Xavante alcançou o patamar da regularidade com o técnico Hemerson Maria. Mais uma vez o Brasil manteve um bom nível de atuação e conquistou o resultado. Desta vez, a equipe pelotense alcançou a primeira vitória fora de casa na Série B ao vencer o Botafogo-SP na 10ª rodada. Com os três pontos o Xavante chega aos 13 pontos e está na 11ª colocação. Ficando a quatro pontos do G-4 e a cinco do Z-4.

A partida contra o Pantera simboliza bem o momento do Brasil. O Xavante acabou tendo dificuldades no início da partida, inclusive, o Botafogo levou perigo saindo de trás, quando o Xavante não conseguiu encaixar a marcação alta. Algo que seria bem diferente aos 30 minutos do segundo tempo quando o Brasil marcou o gol.

Foram 15 minutos de domínio do time paulista até o Xavante organizar o posicionamento e começar a levar perigo. A partir do bom desempenho de Matheus Oliveira, novamente como meia central, o Xavante acelerava a bola e poderia ter marcado com Jarro e com Rodrigo Ferreira.

O Pantera também chegou com perigo com o centroavante Wellington Tanque. Em um cruzamento da direita, o atacante cabeceou e a bola passou perto.

Na volta do intervalo o Brasil voltou a marcar alto. Aos poucos foi encaixando melhor a marcação e dificultando a saída de bola do time adversário. Até que aos 30 minutos o Botafogo repetiu a jogada lá do começo. Só que agora Matheus Oliveira dobrou a marcação do volante e ajudou Bruninho a roubar a bola. No passe para Danilo, o atacante bateu firme para marcar o gol da vitória.

Ficha técnica

Botafogo: Darley; Jéfferson (Valdemir), Róbson, Jordam e Gilson (Guilherme Romão). Naldo, Elicarlos (Judivan), Matheus Anjos (Renato), Rafinha (Matheus Alessandro) e Ronald; Wellington Tanque. Técnico: Claudinei.

Brasil; Rafael Martins; Rodrigo Ferreira, Lázaro, Héverton e Alex Ruan (Leandro Leite); Bruno Matias, Sousa, Matheus Oliveira (Rafael Silva), Jarro (Luiz Henrique) e Danilo (Bruno Santos); Gabriel Poveda (Gegê). Técnico: Hemerson Maria.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados