Série B 2021

Queda de luz interrompe o jogo, e Brasil x Vila Nova será retomado na tarde deste sábado

Placar é de 2 a 1 para os goianos. Apagão aconteceu em toda a região do estádio Bento Freitas

15 de Outubro de 2021 - 23h23 Corrigir A + A -
Falta de energia aconteceu no último minuto da etapa inicial (Foto: Gustavo Pereira - DP)

Falta de energia aconteceu no último minuto da etapa inicial (Foto: Gustavo Pereira - DP)

Uma queda de energia elétrica em toda a região do estádio Bento Freitas provocou o adiamento do restante do jogo entre Brasil e Vila Nova, pela 30ª rodada da Série B do Brasileirão. No último minuto do primeiro tempo, durante a noite desta sexta-feira (15), o apagão obrigou a paralisação da partida, que está 2 a 1 para os goianos.

A arbitragem aguardou o tempo máximo estabelecido no regulamento para o retorno da luz, mas isso não aconteceu. Desta maneira, o restante da partida será jogado a partir das 15h deste sábado (16). O Vila Nova teria interesse em finalizar o confronto pela manhã, por conta da logística da viagem de volta a Goiânia.

O Rubro-Negro tem uma falta lateral para cobrar no reinício. Caso representantes dos dois times concordem, o tempo de intervalo pode ser excluído, com o segundo tempo começando sem pausa. A presença de torcedores deve ser definida na sequência pela direção do Brasil. Em entrevista à Rádio Universidade, o vice de patrimônio Cláudio Carvalho afirmou que a questão do público é delicada pois alguns ficaram com o canhoto e outros não. O clube deve divulgar um comunicado nas redes sociais nas próximas horas.

Falhas, gol contra... e apagão

O Xavante saiu perdendo logo aos cinco minutos, após cabeçada de Rafael Silva em escanteio. Em seguida, aproveitando rebote de falha do goleiro do Vila, Erison foi oportunista na pequena área e igualou o marcador. Mas um gol contra do lateral Oliveira, ao tentar afastar bola de cabeça, recolocou o Tigre na frente.

O Brasil começou a partida com Marcelo; Oliveira, Arthur, Ícaro e Kevin; Diego Gomes, Bruno Matias, Netto, Renatinho e Rildo; Erison.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados