Gauchão 2021

Pelotense é o novo reforço do Lobo

Criado nas categorias de base do Progresso, volante Silas volta à cidade para defender o Pelotas no Gauchão; jogador estava no futebol europeu

24 de Janeiro de 2021 - 23h17 Corrigir A + A -
Silas estava no futebol da Bielorússia. (Foto: Divulgação Dinamo Minsk)

Silas estava no futebol da Bielorússia. (Foto: Divulgação Dinamo Minsk)

Enquanto seguem as negociações por jogadores de ataque, o Pelotas fecha a contratação de mais um volante. Cria da base do Progresso, Silas, de 24 anos, já treina com o grupo de jogadores e deve assinar o contrato com o clube para o Campeonato Gaúcho nos próximos dias. Com passagem pelo Internacional, o jogador estava atuando no futebol europeu, onde rodou por equipes e ligas da Ucrânia, Israel e Bielorússia.

Silas chega com o aval da direção e também do técnico Ricardo Colbachini, com quem trabalhou no Internacional. Além disso, o jogador estará completamente ambientado em sua terra natal, onde espera retomar a carreira com a visibilidade do Gauchão.

Silas deixou o Progresso em 2013 para ingressar nas categorias de base do Colorado, em Porto Alegre. Foram quatro anos entre formação e time de transição. Em 2017, o pelotense partiu para o Zorya, da Ucrânia. Lá, acumulou boas apresentações e uma experiência pela Liga Europa.

Em 2019, o meio-campista se transferiu da Ucrânia para Israel, onde defendeu o Kyriat Schmona. A temporada com o time israelense foi complicada, mas o jogador alcançou o objetivo do clube que era escapar da zona de rebaixamento na oportunidade.

Já em 2020, o volante acabou se transferindo para a Bielorússia para defender o Dinamo Minsk, clube da primeira divisão do país.

Estilo de jogo

Silas é o típico jogador moderno. Em seu currículo, acumula todas as funções do meio-campo. O volante tem como característica principal um jogo físico, com intensidade na marcação e também facilidade nos passes e bolas longas.

Com Colbachini no Inter, o jogador foi utilizado tanto na primeira quanto na segunda função do meio. Por suas características versáteis, Silas reúne os requisitos do modelo de jogo do técnico áureo-cerúleo, dando sustentação defensiva e também participando das construções na saída de bola.

No futebol europeu, o jogador recebeu oportunidades como meia mais avançado, posição onde aprimorou a chegada na área adversária e os chutes de média distância, chegando a marcar gols decisivos.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados